Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
28 dias
06 mai
Próximo evento em
70 dias
20 mai
Próximo evento em
84 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
98 dias
10 jun
Próximo evento em
105 dias
24 jun
Próximo evento em
119 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
126 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
140 dias
29 jul
Próximo evento em
154 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
182 dias
02 set
Próximo evento em
189 dias
09 set
Próximo evento em
196 dias
23 set
Próximo evento em
210 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
217 dias
07 out
Próximo evento em
224 dias
21 out
Próximo evento em
238 dias
28 out
Próximo evento em
245 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
281 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
290 dias

Mercedes propõe renovar apenas por um ano com Hamilton, diz jornal

Renovação por uma temporada seria a primeira desde que o britânico chegou no time chefiado por Toto Wolff

compartilhar
comentários
Mercedes propõe renovar apenas por um ano com Hamilton, diz jornal

Enquanto Lewis Hamilton e Mercedes não chegam a um acordo, a equipe alemã resolveu adotar uma postura mais dura com o heptacampeão e fez, de acordo com o jornal holandês De Telegraaf, uma proposta de renovação de contrato válida por apenas uma temporada. Seria a primeira vez que isso aconteceria desde que o britânico chegou no time chefiado por Toto Wolff.

Quando migrou da McLaren para a Mercedes em 2013, Hamilton chegou com um contrato assinado válido por três temporadas e renovou por mais três em 2015. Na última negociação, em 2018, Hamilton e Mercedes fecharam um acordo menor, mas válido por dois anos.

Hamilton estaria pedindo algo entre 45 milhões de euros (R$ 261,1 milhões) para assinar a renovação, mas a Daimler, empresa-mãe da Mercedes, não aceita, pois quer diminuir os custos em tempos de incerteza econômica causada pela crise do novo coronavírus.

Leia também:

Segundo o jornal italiano Corriere della Sera, a Ineos, nova acionista da Mercedes, se comprometeu a pagar parte do salário pedido por Hamilton em uma tentativa de evitar a saída do heptacampeão.

Em entrevista ao Motorsport.com, o chefe da equipe e agora acionista da Mercedes, Toto Wolff, disse não estar preocupado, mesmo que isso signifique perder o principal nome da Fórmula 1 dos últimos anos.

“Não me preocupa nem um pouco, porque sempre vou respeitar as decisões de Lewis, seja para ficar conosco por muito tempo, seja para deixar o esporte e buscar interesses diferentes”, disse Wolff.

“Acho que devemos estar prontos para qualquer coisa que foi lançada sobre nós. Mas, ao mesmo tempo, conversamos muito e somos muito transparentes uns com os outros. Acho que temos mais a conquistar juntos”, completou.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

GROSJEAN exibe pela PRIMEIRA VEZ mãos QUEIMADAS, CHOCA fãs e tem futuro INCERTO

 

Quarentena de 14 dias foi principal motivo por trás de adiamento do GP da Austrália para novembro

Artigo anterior

Quarentena de 14 dias foi principal motivo por trás de adiamento do GP da Austrália para novembro

Próximo artigo

"Nova" equipe da F1, Alpine divulga primeiras imagens da pintura do carro

"Nova" equipe da F1, Alpine divulga primeiras imagens da pintura do carro
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Autor Redação Motorsport.com