Novatos sofrem para aprender a pista com sessão chuvosa

compartilhar
comentários
Novatos sofrem para aprender a pista com sessão chuvosa
Por:

Turma do meio para o final do pelotão destaca dificuldade em acertar o carro para restante do GP da Coreia

Di Resta foi o décimo em seu primeiro dia na Coreia

Do meio para o final do pelotão, muitos estreantes no GP da Coreia do Sul não gostaram nada da sessão atrapalhada pela chuva. Agora, terão de correr atrás do prejuízo com o acerto e a aprendizagem da pista. Quem assimilou rapidamente o traçado de Yeongam foi o escocês Paul di Resta, décimo com a Force India.

Paul di Resta, Force India, 10°: “Foi minha primeira experiência no circuito, então tive de fazer o melhor possível no molhado. Não é a maneira ideal de aprender um circuito, mas a equipe permitiu que eu desse quantas voltas fosse necessário.”

Adrian Sutil, Force India, 12º: “A pista estava molhada então tudo o que pudemos aprender foi sobre a consistência nestas condições. O acerto que tínhamos no final do dia não estava tão longe de um acerto de seco então acho que encontramos um bom ponto de partida.”

Sergio Perez, Sauber, 16º: “É uma pena que não pudemos fazer muita coisa hoje. Para mim não foi a sexta-feira ideal porque não conheço o circuito. Amanhã não terei muito tempo para encontrar o equilíbrio do carro.”

Kamui Kobayashi, Sauber, 17º: “Não havia aderência alguma. A pista em si já é muito escorregadia, e nosso carro não usa muito bem os pneus intermediários. Espero que esteja seco amanhã.”

Timo Glock, Virgin, 21º: “Teremos que correr atrás do prejuízo amanhã, mas hoje foi bom ainda que tenhamos tido problemas com a suspensão dianteira traseira, o que nos custou um pouco de tempo.”

Jerome d’Ambrosio, Virgin, 22º: “Não foi o início mais fácil para um final de semana de corrida. Ainda não estamos totalmente felizes com o equilíbrio do carro ainda, então teremos de trabalhar nisso para melhorar para amanhã.”

Daniel Ricciardo, Hispania, 23º: “Hoje estava muito molhado, mas não foi tão ruim porque precisava de alguma experiência com a pista assim. Para nós, significa um pouco mais de trabalho para amanhã, tentando encontrar o melhor certo e aprender o circuito o mais rápido possível.”

Vitantonio Liuzzi, Hispania, 24º: “As condições de pista estavam muito ruins, as curvas de baixa velocidade eram as piores. Não conseguimos muita informação sobre o equilíbrio, então amanhã será como outra sessão de sexta-feira.”

Para espantar má fase, Hamilton quer liderar até treino livre

Artigo anterior

Para espantar má fase, Hamilton quer liderar até treino livre

Próximo artigo

Dupla da Red Bull se preocupa mais com pneus que com McLaren

Dupla da Red Bull se preocupa mais com pneus que com McLaren
Carregar comentários