VÍDEO EXCLUSIVO: Com 'namoro' de Verstappen e Kelly Piquet, Nelsinho revela o que Nelsão pensa do talento e comportamento de Max

Primeiro campeão da Fórmula E também deu sua opinião sobre o domínio de Hamilton, seu rival na GP2

VÍDEO EXCLUSIVO: Com 'namoro' de Verstappen e Kelly Piquet, Nelsinho revela o que Nelsão pensa do talento e comportamento de Max

O mundo do esporte a motor presencia uma união entre dois clãs da Fórmula 1 em 2020: o piloto Max Verstappen, da Red Bull, está em um relacionamento com Kelly Piquet, filha de Nelson Piquet, tricampeão da categoria máxima do automobilismo mundial. 

O editor recomenda:

Os rumores sobre o namoro começaram após interações entre Verstappen e Kelly nas redes sociais e o Motorsport.com confirmou a existência do relacionamento. Mas como é a relação dos Piquets com o jovem astro holandês? 

É o que Nelsinho Piquet revelou em entrevista exclusiva ao Motorsport.com. Irmão de Kelly, filho de mãe holandesa e 'herdeiro' de 'Nelsão' nas pistas pelo mundo afora, o primeiro campeão mundial da Fórmula E falou sobre a relação de sua família com Verstappen.

Destaque de 2020 na Stock Car, categoria na qual correrá por nova equipe de propriedade de Nelsão em 2021, Nelsinho abriu o jogo sobre o 'cunhado', explicou o que o patriarca Piquet acha de Max e também falou sobre o pai do holandês: Jos Verstappen, ex-piloto de F1. Assista:

"O Max eu conheço desde que ele era meu vizinho em Mônaco. Ele teve uma vida muito em casa, com os pais o tempo inteiro. O pai dele (Jos, que correu por Benetton, Simtek, Footwork, Tyrrell, Stewart, Arrows e Minardi) fazia o próprio motor dele, o próprio kart, viajava junto...".

Jos Verstappen e Max Verstappen em 2000

Jos Verstappen e Max Verstappen em 2000

Photo by: Motorsport Images

"Então, de um ano para o outro, ele teve uma liberdade, teve dinheiro na conta, e a vida dele mudou muito rápido. Ele corria de Fórmula 3 e morava em casa com o pai. De repente, ele está morando em Mônaco e era o meu vizinho de porta, morando sozinho, com dinheiro na conta para fazer o que ele quisesse... Então as coisas mudaram muito rápido para ele. Depois disso, rapidamente ele foi ganhando muito dinheiro e muita atenção", explicou Nelsinho.

"Então eu não culpo muito essa... Não vou chamar isso de arrogância, mas esse ego que ele tem. E, desculpa, mas piloto bom, às vezes, tem que ser arrogante em algumas horas, né? Acho que é uma característica de alguns deles."

"Mas é uma mistura de confiança com ego. Enfim, é uma linha tênue que você cruza, mas eu não acho ele (Verstappen) folgado. É um piloto novo que às vezes não tem a melhor postura do mundo na frente das câmeras, mas, de certa forma, ele está meio que um pouco se lixando sobre isso. A única coisa que ele quer saber é de ganhar. De ganhar, de estar em um carro bom, de trabalhar...".

Sem máscaras

"Ele passa muitas horas vendo o que é que ele pode fazer para melhorar e tudo mais. Ele se dedica bastante e é o jeito dele. Às vezes, é melhor você ter um cara honesto, transparente e claro na sua frente, independente de ser na frente da imprensa ou qualquer coisa, do que ter uma pessoa que é completamente uma farsa, um filme na sua frente, e atrás das câmeras é outra pessoa...", seguiu Nelsinho.

"O Max é o que ele é, então acho que o meu pai respeita um pouco isso nele, porque ele não tenta ser outra pessoa na frente das câmeras, ele não tenta fingir. A opinião dele é essa e pronto e acabou."

 

"É lógico que todo mundo tenta segurar ele... A assessoria de imprensa dele, a equipe, enfim, o empresário dele. Porque hoje em dia você tem que ser politicamente muito correto e ter muito cuidado. Mas é um cara que tem a opinião dele e pronto. Ele não tem que ficar fingindo, ele não tem que ficar... Ele sabe que ele é bom, ele tem a opinião dele e tem gente que é assim. O meu pai é assim também."

"Tem gente que gosta e tem quem não gosta, mas, para ele, ele fala o que sente e, pelo menos, ele é honesto. Eu acho que, se todo mundo falasse o que sentisse, muitas pessoas iam ter muito mais inimigos. Mas, hoje em dia, quando aparece a câmera, todo mundo só quer falar o que todas as pessoas querem ouvir...", ponderou Nelsinho, que também deu sua opinião sobre o britânico Lewis Hamilton, astro da Mercedes e rival do brasileiro pelo título da GP2 em 2006.

Uma 'análise' sobre o hepta da F1, campeão da GP2 'em cima' de Nelsinho

Giorgio Pantano, Nelson A. Piquet e Lewis Hamilton

Giorgio Pantano, Nelson A. Piquet e Lewis Hamilton

"Em termos de números, não tenha dúvida... Está tudo ali comprovado, ele realmente bateu todos os recordes. Enfim, não tem o que falar... Como vocês sabem, o automobilismo é complicado: você tem que estar no lugar certo e na hora certa para as coisas acontecerem."

"Um exemplo enorme que aconteceu foi o [George] Russell entrar no lugar dele (Hamilton) e fazer o que fez. Isso mostrou que é possível fazer o que ele faz. Tudo bem: você fazer isso sem errar durante tantos anos é uma coisa... Mas ser rápido é possível", afirmou Nelsinho.

"O mais importante para você bater esses recordes, além do talento, é você estar no lugar certo na hora certa. Isso conta muito no automobilismo, porque você tem a dominância de equipes, como a Mercedes tem dominado nos últimos anos e provavelmente vai dominar ainda durante um bom tempo. Então, eu vejo o Hamilton ganhando o campeonato do ano que vem e se aposentando, provavelmente."

"Então, vocês podem colocar mais um campeonato [na conta] facilmente. Depois, a Mercedes vai escolher outra pessoa para dominar, isso é o que eu acho que vai acontecer. Mas, é complicado, realmente eu acho ele (Hamilton) um piloto fenomenal."

Alguém para bater de frente com Hamilton

Max Verstappen, Red Bull Racing, Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1

Max Verstappen, Red Bull Racing, Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

"Eu acho que se colocasse um Max Verstappen perto dele, iria dar muito trabalho. Não sei se vocês concordam comigo, mas o Max é um cara muito arrojado. Não só na velocidade, mas nas relargadas, na agressividade... Ele é diferenciado mesmo."

"A gente viu essa dominância do Hamilton andando com um carro bom, na frente, com um companheiro não dando trabalho para ele... Quando ele teve companheiro dando trabalho, não era dessa forma, com o Nico Rosberg", seguiu Nelsinho.

"Mas, com certeza, se ele tivesse, o tempo inteiro, [ao lado de] um piloto de igual calibre ao dele, um [Fernando] Alonso, um Max, um [Daniel] Ricciardo, um [Charles] Leclerc, nós não estaríamos vendo essa dominância dessa forma. Mas também não é o que a Mercedes quer, né... É muito melhor para a Mercedes ter o piloto dominando, ganhando dessa forma, do que ter briga dentro da equipe."

"Então, volto a falar: realmente é estar no lugar certo na hora certa, na equipe certa, que é a que quer apoiar ele (Hamilton), quer que ele esteja andando sozinho na frente... Não quer ninguém brigando com ele", ponderou Nelsinho, que correu pela Renault na F1 em 2008/09.

"Então é isso, sabe... Mas ele não deixa de ser o piloto com mais títulos do mundo, com mais recordes do mundo. Mas eu acho que você não pode falar que ele tem três vezes mais talento do que um Alonso, por exemplo, que 'só' tem dois campeonatos", completou Piquet.

Lewis Hamilton, McLaren, Fernando Alonso, McLaren

Lewis Hamilton, McLaren, Fernando Alonso, McLaren

Photo by: Steven Tee / Motorsport Images

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Nelsinho revela como os Piquet lidam com idolatria a Senna, rival de 'Nelsão' nas pistas

PODCAST: Quem brilhou e o que de melhor aconteceu na temporada 2020 da F1?

 

.

compartilhar
comentários
Berger relembra que apenas Lauda e Schumacher tiveram sucesso na Ferrari: "Muito difícil"

Artigo anterior

Berger relembra que apenas Lauda e Schumacher tiveram sucesso na Ferrari: "Muito difícil"

Próximo artigo

F1: Marko 'rebate' Red Bull e diz que Hulk era "sério candidato" para 2021

F1: Marko 'rebate' Red Bull e diz que Hulk era "sério candidato" para 2021
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Jos Verstappen , Nelson Piquet , Nelson Piquet Jr. , Max Verstappen
Autor Carlos Costa