Fórmula 1 GP da Grã-Bretanha

F1: Verstappen revela ter pensado que seria "quinto ou sexto" em Silverstone

Piloto da Red Bull não tinha ritmo no início, mas decisões importantes sobre pneus o colocaram no pódio

Max Verstappen, Red Bull Racing RB20, Carlos Sainz, Ferrari SF-24

Max Verstappen revelou ter pensado que "terminaria em quinto [ou] sexto" no GP da Grã-Bretanha devido à falta de ritmo inicial da Red Bull em relação à Mercedes e à McLaren, antes de se recuperar e chegar ao segundo lugar.

O holandês foi ultrapassado por ambos os carros da McLaren nas primeiras voltas da corrida e caiu para a quinta colocação,  tendo inicialmente subido do quarto para o terceiro lugar, atrás dos primeiros líderes George Russell e Lewis Hamilton.

Leia também:

A decisão de Verstappen sobre quando fazer o pit-stop para intermediários no segunda e mais longo período de chuva da corrida fez com que ele voltasse para o terceiro lugar. A McLaren deixou Oscar Piastri de fora por uma volta a mais do que todos os outros líderes, o que também ajudou o tricampeão mundial.

Quando chegou a hora de fazer a segunda parada para voltar aos pneus slicks, quando o Sol finalmente voltou a brilhar, Verstappen entrou ao mesmo tempo que Hamilton, que, a essa altura, tinha uma vantagem que nunca mais perderia, já que Lando Norris parou apenas na volta seguinte.

O holandês, então, usou os pneus duros para alcançar e passar Norris, que estava com os pneus macios, antes de se aproximar de Hamilton, mas não teve tempo de passar.

"Simplesmente não tivemos o ritmo hoje. No início, eu estava ficando cada vez mais para trás quando era importante, então não parecia muito bom. Em algum momento, eu estava realmente pensando: 'Será que vamos terminar em quinto, sexto?", disse o piloto da Red Bull no parc fermé depois.

"Mas, sim, fizemos as escolhas certas - direto dos pneus slicks para os intermediários e também dos intermediários de volta para os slicks - acho que as paradas foram sempre nas voltas certas", completou.

Max Verstappen, Red Bull Racing RB20

Max Verstappen, Red Bull Racing RB20

Foto de: Glenn Dunbar / Motorsport Images

"Depois, também no final, a decisão da equipe de usar o pneu duro em vez do macio definitivamente me ajudou. Terminamos em segundo hoje, então poderia ter sido muito pior, mas estamos fazendo as escolhas certas - ainda estamos no pódio e [estou], é claro, muito feliz com isso", declarou.

Verstappen também disse: "Quando começou a chover pela primeira vez, eu já estava ficando para trás, lutando pela aderência, então não quis correr muitos riscos". 

"Vi os pilotos à minha frente - eles estavam realmente se esforçando. Então, tentei me manter firme, sem sair da pista, o que é bastante complicado. Mas, em um determinado momento, a chuva realmente começou a cair e ficou óbvio que era preciso ir para os intermediários", afirmou.

"Depois, era preciso fazer o pneu durar o máximo possível e, de repente, o Sol também apareceu e a pista começou a secar rapidamente. Mesmo assim, você se sente bastante confortável com os intermediários, mas em um determinado momento você tem que arriscar e passar para o slick e, felizmente, tudo deu certo", concluiu Verstappen.

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Verstappen x Norris: nasce uma nova guerra na Fórmula 1? Ouça debate

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: "Não tomei as decisões certas, não tenho desculpas", diz Norris após GP da Grã-Bretanha
Próximo artigo F1: "Pior do que um pesadelo", diz Leclerc sobre momento atual após nova falha em Silverstone

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil