Fórmula 1
R
GP de Portugal
30 abr
Próximo evento em
16 dias
06 mai
Próximo evento em
22 dias
20 mai
Próximo evento em
36 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
50 dias
10 jun
Próximo evento em
57 dias
24 jun
Próximo evento em
71 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
78 dias
29 jul
Próximo evento em
106 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
134 dias
02 set
Próximo evento em
141 dias
09 set
Próximo evento em
148 dias
23 set
Próximo evento em
162 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
169 dias
07 out
Próximo evento em
176 dias
21 out
Próximo evento em
190 dias
28 out
Próximo evento em
197 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
242 dias

Wolff e Horner pedem regulamento mais claro sobre limites de pista na F1: "Não pode ser um livro de Shakespeare"

Os dois chefes de equipe pedem que o regulamento seja feito de modo que não deixe brechas ou espaços para questionamentos

Wolff e Horner pedem regulamento mais claro sobre limites de pista na F1: "Não pode ser um livro de Shakespeare"

Tópico muito pautado em 2020, os limites de pista voltaram a ser um assunto controverso na abertura da temporada 2021 da Fórmula 1, com a disputa entre Lewis Hamilton e Max Verstappen pela vitória no Bahrein. E em meio a uma grande controvérsia, tanto Toto Wolff, chefe da Mercedes, quanto Christian Horner, da Red Bull, pediram que o regulamento sobre esse assunto seja mais claro.

Com quatro voltas para o fim, Verstappen passou o então líder Hamilton na curva quatro, mas teve que devolver a posição ao heptacampeão por ter feito a manobra usando o lado de fora da pista.

Leia também:

Na classificação, transgressões de limite de pista na curva quatro levaram ao cancelamento das voltas rápidas, mas, no domingo, os pilotos foram liberados para ultrapassar a zebra sem consequências.

Apenas após diversas passagens por fora que Hamilton foi alertado pela equipe para se manter no limite, com a Mercedes recebendo uma notificação da direção de prova que iria controlar mais o local. Ironicamente, isso acabou virando a disputa a favor do britânico no fim.

A intervenção da direção de prova levou a novas confusões sobre a execução das regras de limites de pista, com tanto Wolff quanto Horner pedindo clarificação e consistência à FIA.

"Estou tão confuso quanto vocês", disse Wolff. "No começo da corrida, ele disse que a curva quatro não teria sanções de limite de pista e, do nada, ouvimos que, caso Lewis continuasse fazendo aquilo, seria visto como vantagem e poderia render punição".

"Aí, no final, a decisão nos ajudou a vencer a corrida. Max foi por fora, na definição do diretor de prova, ganhando uma vantagem, e teve que devolver a posição, salvando nossa vitória. Então precisamos ser consistentes com as mensagens. Elas precisam ser claras e sagradas, não um livro de Shakespeare que deixa espaço para interpretação".

Enquanto Horner não tenha receio de Verstappen ter sido julgado como tendo uma vantagem injusta por sair fora da pista, ele não entendeu porque Hamilton consistentemente escapou de uma punição ao abusar do limite de pista, ganhando tempo por volta.

"Foi frustrante", disse Horner. "Pudemos ver desde o começo que as Mercedes usavam aquela parte da pista e questionamos a direção de prova se poderíamos fazer o mesmo".

"A batalha era apertada e ali dava para ganhar dois décimos usando a pista, e eles fizeram isso volta após volta. O diretor de prova pediu que eles respeitassem os limites, ou receberiam uma bandeira preta e branca".

"Obviamente Max excedeu o limite ali na ultrapassagem. Mas ficou claro antes da corrida que se alguém tivesse uma vantagem usando aquele espaço, teria que devolver a posição. Então ele segiu as nossas instruções imediatamente".

"Acho que esses limites de pista sempre serão polêmicos. O que precisamos é de algo consistente. Não pode dizer que é ok usar na corrida mas não pode ultrapassar ali. O regulamento precisa ser preto no branco. Não pode ser formado por tons de cinza".

Wolff revelou que ele e o diretor esportivo da Mercedes, Ron Meadows, estavam em contato com o diretor de provas, Michael Masi, durante a corrida em busca de clarificação.

"A mensagem que chegou aos pilotos era simples: o limite de pista na curva quatro não seria passível de sanções na pista. Ron e eu falamos com Michael durante a corrida. Ele se referiu às suas notas: 'Sim, mas só se você não obtiver vantagens' e isso estava lá. Mas eu não tinha visto".

"Acho que o aprendizado a partir disso é que precisa ser simples, para que todos possam entender e ninguém precise ficar carregando o documento no carro para ler e tirar dúvidas sobre o que pode ou não fazer".

F1: GUERRA de Hamilton e Verstappen e destaques do Bahrein com Rico Penteado e Felipe Motta | PÓDIO

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Temporada 2021 marca nova era na cobertura do esporte a motor na TV?

 

compartilhar
comentários
F1: Hamilton afirma que voltas finais no Bahrein foram "horríveis"

Artigo anterior

F1: Hamilton afirma que voltas finais no Bahrein foram "horríveis"

Próximo artigo

F1: Entenda como Pérez salvou sua estreia pela Red Bull no Bahrein

F1: Entenda como Pérez salvou sua estreia pela Red Bull no Bahrein
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Equipes Mercedes
Autor Filip Cleeren