F-E: Nissan confirma que segue no grid durante era do Gen3

A montadora japonesa é a terceira a confirmar sua continuidade na categoria, após Mahindra e DS Techeetah

F-E: Nissan confirma que segue no grid durante era do Gen3

A Fórmula E já pensa em sua próxima geração de carros, o Gen3, que será introduzido no início da temporada 2022-23 e, neste momento, algumas equipes e montadoras já estão confirmando sua presença nessa nova era. A mais nova a se juntar a esse grupo, segundo informação exclusiva do Motorsport.com, é a Nissan, que garantiu sua presença no grid até 2025-26.

Em entrevista ao Motorsport.com, o chefe de operações globais da Nissan, Ashwani Gupta revelou que a montadora seguirá na categoria pela duração dos novos carros, de 350kW. Esse comprometimento formal vem na esteira da Nissan mudar sua trajetória entre os carros de rua para veículos elétricos "até o começo dos anos 2030", visando também eliminar suas emissões de carbono até 2050.

Leia também:

Gupta disse ao Motorsport.com: "É o meu prazer anunciar que a Nissan seguirá trazendo emoções à Fórmula E ao se comprometer com a era Gen3. Em meio a isso, vamos demonstrar nossos conhecimentos sobre eletrificação".

"A Nissan tem um forte histórico nas corridas há mais de 60 anos, e a Fórmula E nos representa energia, emoção e sustentabilidade. Temos que manter nossa cultura esportiva. Isso aumenta a motivação de nossos funcionários".

"Era isso que buscávamos quando entramos na Fórmula E: paixão e comprometimento".

A Renault, que tem uma aliança estratégica com a Nissan, é uma apoiadora de longa data da categoria, tendo feito uma parceria com a Spark Racing Technology para a construção do Gen 1. A marca francesa entrou na temporada inaugural, 2014-15, com a e.Dams, vencendo os três primeiros títulos de construtores, antes de passar a vaga para a Nissan.

Perguntado porque a Nissan havia anunciado sua participação uma semana antes do prazo de 31 de março para as montadoras confirmarem sua continuidade na era do Gen3, Gupta disse: "Mal conseguimos manter nossa emoção, porque estávamos trabalhando nisso há meses".

Oliver Rowland, Nissan e.Dams, Nissan IMO2

Oliver Rowland, Nissan e.Dams, Nissan IMO2

Photo by: Alastair Staley / Motorsport Images

Apesar do fato de que as montadoras atuais e em potencial podem assinar o contrato após o prazo, isso atrasaria seu acesso a dados sobre pneus, chassi e fornecedores de trens de força.

A Nissan se junta à Mahindra e a DS como as marcas que já confirmaram sua presença no grid para além da temporada 2022-23.

Somados, Renault e Nissan e.dams somam 17 vitórias na F-E entre os pilotos atuais, Sebastien Buemi (campeão da temporada 2016-17) e Oliver Rowland. No ano passado, a Nissan foi vice, atrás apenas da DS Techeetah, depois de se recuperar na reta final.

TELEMETRIA: Rico Penteado explica o que GP do Bahrein reserva para abertura da F1

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

PODCAST: Temporada 2021 marca nova era na cobertura do esporte a motor na TV?

 

compartilhar
comentários
Fórmula E busca manter ePrix em Roma apesar de lockdown na Itália

Artigo anterior

Fórmula E busca manter ePrix em Roma apesar de lockdown na Itália

Próximo artigo

F-E: Roma e Valência viram rodadas duplas e Marraquexe deve sair do calendário

F-E: Roma e Valência viram rodadas duplas e Marraquexe deve sair do calendário
Carregar comentários