MotoGP: Márquez não considera ter condições para disputar o top 5

Marc Márquez parabenizou o compatriota Jorge Martín e disse não se ver como candidato ao pódio na corrida

MotoGP: Márquez não considera ter condições para disputar o top 5

Marc Marquez largará no domingo da segunda fila do grid de largada do GP da Áustria, após se classificar na quinta posição. Satisfeito com a posição, o piloto da Repsol Honda, no entanto, imediatamente pediu cautela quanto às suas ambições, declarando: "não estou aqui para vencer nem para [terminar] no pódio".

O hexacampeão da MotoGP é o piloto Honda com melhor classificação no grid de largada do GP da Áustria, à frente de Pol Espargaró (11º), Takaaki Nakagami (12º) e Alex Marquez (14º).

Leia também:

Márquez declarou que esta posição "não é real" e que não se considera capaz de brigar pelas três primeiras posições com base em suas observações do ritmo de seus oponentes. "Nossa posição real era nos classificarmos entre o sétimo e o nono lugar", disse ele. "A segunda fila surgiu porque havia uma oportunidade e nós aproveitamos."

“Não queremos a vitória nem o pódio, chegar ao top 5 vai ser difícil, até o sexto lugar é mais realista. Na corrida, há muito ritmo e tudo vai depender das primeiras voltas. Não perder muito tempo me afastar dos pilotos atrás, isso vai me ajudar nas últimas voltas. Mas vai ser uma corrida muito longa ”, avisou.

Marquez explicou no sábado que final de semana envolveu muitos testes de peças para a próxima geração do RCV e menos atenção foi colocada em preparar a sua moto para a corrida. "No último fim de semana e até o TL3 de hoje, trabalhamos para o futuro. No TL4 eu me ajustei ao meu gosto. O objetivo é terminar mais perto do primeiro e não 17 segundos atrás como no domingo passado."

Nestas condições de largada, a chuva, que foi convidada sexta-feira no TL2, pode ser a melhor aliada do espanhol. "Se chover, abre-se todas as opções: a de fazer uma boa corrida e também a de cair. É uma incógnita. No papel, somos mais competitivos no molhado, o que não é bom."

Jorge Martín, um possível candidato ao título de 2022

Questionado sobre o sucesso de seu jovem compatriota Jorge Martín, que marcou sua terceira pole position na sua primeira temporada na categoria, Márquez declarou:

"Jorge Martin está fazendo um bom trabalho, ele é muito rápido. Ele provou isso no Qatar com uma corrida muito boa, liderando quase todas as voltas. Na semana passada ele fez uma corrida perfeita e acho que fará de novo porque ele tem o melhor ritmo e é o mais rápido. Mas agora temos de entender o seu nível em outros circuitos. Neste circuito ele sempre foi muito rápido e no ano passado na Moto2 ele venceu a corrida, embora a vitória tenha sido tirada por pilotar fora dos limites da pista. Teremos de ver ele em Silverstone, Aragón e outros circuitos. E se ele continuar a ser tão rápido como é, certamente será um candidato ao título no próximo ano."

 Austria GP da Áustria: 10 primeiros colocados da classificação

Cla Piloto Tempo Diferença
1 Spain Jorge Martin 1'22.643  
2 France Fabio Quartararo 1'22.677 0.034
3 Italy Francesco Bagnaia 1'23.063 0.420
4 France Johann Zarco 1'23.120 0.477
5 Spain Marc Marquez 1'23.227 0.584
6 Australia Jack Miller 1'23.320 0.677

MAX WILSON vê colaboração "MARAVILHOSA" de BAND no automobilismo, com F1 "até no PROGRAMA DO NETO"

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Qual piloto merece uma segunda chance na F1?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP- Quartararo: "São sempre os mesmos que atrapalham"
Artigo anterior

MotoGP- Quartararo: "São sempre os mesmos que atrapalham"

Próximo artigo

MotoGP: Binder vê chuva embaralhar ordem e vence corrida maluca na Áustria

MotoGP: Binder vê chuva embaralhar ordem e vence corrida maluca na Áustria
Carregar comentários