MotoGP
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
15 out
Evento encerrado
16 out
Evento encerrado
23 out
Evento encerrado
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP da Europa
06 nov
Próximo evento em
10 dias
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
17 dias
R
GP de Portugal
20 nov
Próximo evento em
24 dias

MotoGP: Morbidelli celebra pole e Rossi projeta parceria com o ítalo-brasileiro

compartilhar
comentários
MotoGP: Morbidelli celebra pole e Rossi projeta parceria com o ítalo-brasileiro
Por:
Co-autor: Lewis Duncan

Piloto da SRT garantiu primeira pole da carreira. Terceiro no grid, Rossi elogiou nova equipe e companheiro

Valentino Rossi e Franco Morbidelli estiveram nos holofotes da MotoGP neste sábado. Morbidelli garantiu a primeira pole da carreira e largará na ponta para o GP da Catalunha que será disputado neste domingo. Já o heptacampeão, que cravou o terceiro melhor tempo na classificação, anunciou oficialmente neste sábado que se juntará ao ítalo-brasileiro na Yamaha SRT na próxima temporada.

Leia também:

O pole para a corrida na Espanha disse ter ficado muito feliz com o resultado da classificação deste sábado e que precisou fazer uma volta "limpa" para conseguir a primeira pole na MotoGP.

"É uma sensação ótima. Tive muita vontade de ir rápido hoje, me senti energizado imediatamente, queria forçar muito, senti que poderia fazer um bom trabalho, estou realmente muito satisfeito", disse Morbidelli à Sky Sports. "Cometi alguns erros, mas consegui fazer a última volta limpa. foi assim que saiu a pole".

Questionado sobre a contratação de Rossi pela Petronas para a próxima temporada, o ítalo-brasileiro valorizou o desafio de correr com um heptacampeão.

“Ele vai ser osso duro de roer, Vale é muito forte, vai ser um companheiro de equipe difícil de bater. Mas estou feliz, ele de um calibre diferente, tenho com ele uma relação diferente da dos outros pilotos. Parabenizo-o pela assinatura do contrato e desejo-lhe o melhor e espero me divertir e lutar muito com ele no próximo ano”, concluiu.

Desafio cada vez maior

Rossi trocará de lugar com Fabio Quartararo, que assumirá seu lugar na equipe de fábrica da Yamaha. Aos 41 anos de idade, o heptacampeão comentou a necessidade de se manter bem preparado fisicamente para competir em alto nível.

"Eu pensei muito antes de tomar a decisão de ficar, porque o desafio está ficando cada vez mais difícil. Para estar no topo da MotoGP, é preciso trabalhar muito e trabalhar duro, treinar todos os dias e ter uma ‘vida de atleta’, mas ainda gosto disso e ainda quero pilotar".

"Na primeira metade do ano, tomei minha decisão e conversei com a Yamaha, que concordou comigo. Eles disseram que mesmo se não tivesse espaço para mim na equipe de fábrica, a moto Yamaha e o suporte de fábrica estariam garantidos”.

Rossi também foi elogioso ao falar da nova equipe e do novo companheiro para 2021.

“Estou muito feliz em ir para a SRT. São uma time novo, mas mostraram ser uma equipe de ponta. São muito sérios e muito organizados. Vai ser legal ter Franco como companheiro, é um piloto da Academia, vai ser legal. Acho que podemos trabalhar juntos para fazer as boas coisas acontecerem”, finalizou.

Q4: O grid do GP da Rússia, a batida de Vettel e o susto de Hamilton com Tiago Mendonça e Gabriel Casagrande

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

MotoGP: Chefe da Yamaha diz que contrato de Rossi levou seis meses para ser finalizado

Artigo anterior

MotoGP: Chefe da Yamaha diz que contrato de Rossi levou seis meses para ser finalizado

Próximo artigo

MotoGP: Quartararo vence GP da Catalunha e reassume liderança; Suzuki mostra força completando o pódio

MotoGP: Quartararo vence GP da Catalunha e reassume liderança; Suzuki mostra força completando o pódio
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Catalunha
Sub-evento Q2
Pilotos Valentino Rossi , Franco Morbidelli
Equipes Drive M7 SIC Racing Team
Autor Matteo Nugnes