MotoGP: Pol Espargaró defende que Honda deve seguir Márquez

Piloto espanhol disse que compatriota é o mais rápido da equipe e é natural que trabalhem a moto com foco em seu feedback

MotoGP: Pol Espargaró defende que Honda deve seguir Márquez

Pol Espargaró acredita que a Honda "precisa seguir" o que Marc Márquez diz a respeito do desenvolvimento de sua moto e que a filosofia atual é "inteligente". Esses comentários foram feitos depois que o chefe da equipe HRC, Alberto Puig, disse ao Motorsport.com que a equipe não alterará sua agenda de desenvolvimento somente por causa da grave lesão no braço que o espanhol sofreu em 2020.

Ele fez esses comentários em resposta às críticas de que a montadora ao longo dos anos colocou muita ênfase no hexacampeão da MotoGP em detrimento de um pacote mais amigável para os outros pilotos.

Leia também:

Isso foi confirmado nos resultados dos últimos tempos, com Márquez atualmente sendo o melhor corredor da Honda em 10º na classificação e já igualando o total de dois pódios da HRC em 2020, apesar de ter perdido as duas primeiras rodadas da atual temporada.

No entanto, o espanhol também encontrou dificuldades neste ano, registrando o maior número de acidentes em 18 anos - algo que vem em grande parte das limitações físicas contra as quais ele está lutando, mas também resulta da falta de aderência traseira da moto de 2021.

Apesar disso, Espargaró - que tem lutado para se adaptar - diz que o timee deve continuar a seguir a orientação de Márquez no que diz respeito ao desenvolvimento da motocicleta.

"Bem, no final, o cara mais rápido é Marc, então a fábrica precisa seguir o que ele diz", comentou o piloto ao Motorsport.com. "Isso é coisa mais óbvia que precisa ser feita - ouvir o cara mais rápido."

Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Pol Espargaro, Repsol Honda Team

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

Pol elogiou a Honda pelo trabalho para melhorar a moto e salienta que as restrições impostas pela Covid-19 ao desenvolvimento do motor têm sido um fator limitante para a HRC este ano.

"Na verdade, a montadora está trabalhando para o futuro, para o próximo ano. Não sei se vamos experimentar no teste aqui [na próxima semana] algo novo, desta motocicleta que estamos usando, ou talvez alguma coisa do próximo ano."

"Não tenho ideia, mas sei que eles estão trabalhando e com as restrições da Covid-19 não poderíamos usar [um novo motor] este ano. Então, veremos", finalizou.

F1 2021: Tom entre Mercedes e RBR ainda mais agressivo, McLaren perdida e 100 vezes Hamilton | RETA FINAL

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #133: O que poderia ser melhorado no documentário sobre Schumacher?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
GP das Américas de MotoGP (Estados Unidos): Horários e como assistir
Artigo anterior

GP das Américas de MotoGP (Estados Unidos): Horários e como assistir

Próximo artigo

MotoGP: Márquez ainda não está pronto para disputas roda a roda

MotoGP: Márquez ainda não está pronto para disputas roda a roda
Carregar comentários