MotoGP
R
GP do Catar
05 mar
-
08 mar
Próximo evento em
16 dias
R
GP da Tailândia
19 mar
-
22 mar
Próximo evento em
30 dias
R
GP das Américas
02 abr
-
05 abr
Próximo evento em
44 dias
R
GP da Argentina
16 abr
-
19 abr
Próximo evento em
58 dias
R
GP da Espanha
30 abr
-
03 mai
Próximo evento em
72 dias
R
GP da França
14 mai
-
17 mai
Próximo evento em
86 dias
R
GP da Itália
28 mai
-
31 mai
Próximo evento em
100 dias
R
GP da Catalunha
04 jun
-
07 jun
Próximo evento em
107 dias
R
GP da Alemanha
18 jun
-
21 jun
Próximo evento em
121 dias
R
GP da Holanda
25 jun
-
28 jun
Próximo evento em
128 dias
R
GP da Finlândia
09 jul
-
12 jul
Próximo evento em
142 dias
R
GP da República Tcheca
06 ago
-
09 ago
Próximo evento em
170 dias
R
GP da Áustria
13 ago
-
16 ago
Próximo evento em
177 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
-
30 ago
Próximo evento em
191 dias
R
GP de San Marino
10 set
-
13 set
Próximo evento em
205 dias
R
GP de Aragón
01 out
-
04 out
Próximo evento em
226 dias
R
GP do Japão
15 out
-
18 out
Próximo evento em
240 dias
R
GP da Austrália
23 out
-
25 out
Próximo evento em
248 dias
R
GP da Malásia
29 out
-
01 nov
Próximo evento em
254 dias
R
GP de Valência
12 nov
-
15 nov
Próximo evento em
268 dias

MotoGP: Yamaha confirma Quartararo no lugar de Rossi em 2021

compartilhar
MotoGP: Yamaha confirma Quartararo no lugar de Rossi em 2021
Por:
29 de jan de 2020 11:46

Francês será promovido para equipe oficial em 2021, após sucesso da primeira temporada no ano passado

Como adiantado pelo Motorsport.com, Fabio Quartararo se juntará à Yamaha em 2021 e será companheiro de equipe de Maverick Viñales, que recentemente assinou um acordo para permanecer na equipe até a temporada de 2022. Um anúncio do time japonês confirmou a mudança nesta quarta-feira.

A decisão de promover Quartararo à equipe de fábrica deve-se em parte ao crescente interesse do piloto pela Ducati e Suzuki, após uma campanha de estreia que incluiu seis poles e sete pódios.

Leia também:

Quartararo também terá acesso à moto mais recente para sua segunda temporada na MotoGP antes de se tornar um piloto de fábrica em 2021.

O chefe da equipe, Lin Jarvis, comentou: "Estamos muito satisfeitos que Fabio se junte à equipe Yamaha Factory Racing MotoGP Team para 2021 e 2022.

"Os resultados no seu ano de estreia foram sensacionais. As seis poles e os sete pódios na temporada de 2019 foram um sinal claro de seu brilhantismo e habilidades excepcionais de pilotagem. Convidando-o a se mudar para a Yamaha Factory Racing Team depois que ele completar sua contrato com a Petronas Yamaha Sepang Racing Team foi um próximo passo lógico.”

“Para a próxima temporada, ele receberá um YZR-M1 de fábrica e receberá suporte total da Yamaha.”

“Fabio tem apenas 20 anos, mas já está demonstrando grande maturidade dentro e fora da moto, e estamos entusiasmados por ele se juntar a nós em 2021.”

"Fabio e Maverick fornecerão um grande estímulo para todos nós da equipe para continuar desenvolvendo a YZR-M1 e não deixar pedra sobre pedra em nossa busca pelas vitórias no Campeonato Mundial."

Rossi decidirá o futuro em "meados de 2020"

A decisão de Quartararo parece deixar Rossi com uma escolha entre assumir o lugar de Quartararo em 2021 ou se aposentar.

Rossi havia indicado anteriormente que estaria preparado para aceitar uma vaga na Petronas, mas desejava ver como será o início da temporada 2020 antes de tomar uma decisão.

A Yamaha emitiu uma declaração separada, confirmando que continuaria apoiando Rossi com máquinas de fábrica, caso desejasse continuar, com uma decisão que deve ser tomada em "meados de 2020", após os sete ou oito primeiras corridas do ano.

"Por razões ditadas pelo mercado, a Yamaha me pediu no início do ano para tomar uma decisão sobre o meu futuro", disse Rossi.

"Consistente com o que disse na última temporada, confirmei que não queria apressar nenhuma decisão e precisava de mais tempo. A Yamaha agiu de acordo e concluiu as negociações em andamento.”

"Está claro que, após as últimas mudanças técnicas e com a chegada do meu novo chefe de equipe, meu primeiro objetivo é ser competitivo este ano e continuar minha carreira como piloto da MotoGP também em 2021. Antes de fazer isso, preciso ter algumas respostas que somente a pista e as primeiras corridas podem me dar.”

"Estou feliz que, se eu decidir continuar, a Yamaha está pronta para me apoiar em todos os aspectos, me dando uma moto de fábrica e um contrato de fábrica. Nos primeiros testes, farei o possível para fazer um bom trabalho juntos com minha equipe e esteja pronto para o início da temporada.”

Lorenzo deve ser piloto de testes

Depois de se aposentar da MotoGP, Jorge Lorenzo parece pronto para retornar à Yamaha pela primeira vez desde 2016, desta vez como piloto de testes.

O Motorsport.com apurou pela primeira vez um potencial papel de teste para Lorenzo com a fabricante em que ele conquistou todos os três títulos da MotoGP.

Relembre a carreira de Valentino Rossi na motovelocidade

Galeria
Lista

1996: Rossi estreia nas 125cc

1996: Rossi estreia nas 125cc
1/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

1997: Primeiro título mundial, com a Aprilia, nas 125cc

1997: Primeiro título mundial, com a Aprilia, nas 125cc
2/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

1999: Segundo ano de Rossi nas 250cc

1999: Segundo ano de Rossi nas 250cc
3/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2000: Vai para as 500cc com a Honda

2000: Vai para as 500cc com a Honda
4/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2001: Conquista o primeiro título na categoria rainha

2001: Conquista o primeiro título na categoria rainha
5/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2002: Segundo título, já na MotoGP

2002: Segundo título, já na MotoGP
6/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2003: Rossi de cabelo vermelho

2003: Rossi de cabelo vermelho
7/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2004: Primeiro ano na Yamaha

2004: Primeiro ano na Yamaha
8/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2005: Ao lado do brasileiro Alex Barros no ano do pentacampeonato consecutivo do italiano

2005: Ao lado do brasileiro Alex Barros no ano do pentacampeonato consecutivo do italiano
9/21

Foto de: Camel Media Service

2006: Ao lado da Yamaha M1

2006: Ao lado da Yamaha M1
10/21

Foto de: Camel Media Service

2007: Mais uma foto na Yamaha

2007: Mais uma foto na Yamaha
11/21

Foto de: Yamaha Motor Racing

2008: Depois de dois anos sem título, Rossi voltou a ser campeão, tendo Jorge Lorenzo como companheiro

2008: Depois de dois anos sem título, Rossi voltou a ser campeão, tendo Jorge Lorenzo como companheiro
12/21

Foto de: Yamaha Motor Racing

2010: Rossi exibe capacete personalizado para etapa italiana da MotoGP

2010: Rossi exibe capacete personalizado para etapa italiana da MotoGP
13/21

Foto de: Yamaha Motor Racing

2010: Rossi estuda traçado de circuito de Mugello

2010: Rossi estuda traçado de circuito de Mugello
14/21

Foto de: Yamaha Motor Racing

2011: 'Doutor' barbudo em seu ano de estreia na Ducati

2011: 'Doutor' barbudo em seu ano de estreia na Ducati
15/21

Foto de: Ducati Corse

2012: Mais um ano com a Ducati

2012: Mais um ano com a Ducati
16/21

Foto de: Ducati Corse

2013: Volta à Yamaha

2013: Volta à Yamaha
17/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2015: Italiano volta ao pódio com regularidade

2015: Italiano volta ao pódio com regularidade
18/21

Foto de: Yamaha MotoGP

2016: Mais um ano com a Yamaha

2016: Mais um ano com a Yamaha
19/21

Foto de: Yamaha MotoGP

2017: Quase nos quarenta, Rossi voltou ao visual 'careca'

2017: Quase nos quarenta, Rossi voltou ao visual 'careca'
20/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

2019: Rossi completa quatro décadas neste ano

2019: Rossi completa quatro décadas neste ano
21/21

Foto de: Gold and Goose / Motorsport Images

Próximo artigo
Márquez: “Chegarei nos testes de Sepang 60 ou 70% recuperado”

Artigo anterior

Márquez: “Chegarei nos testes de Sepang 60 ou 70% recuperado”

Próximo artigo

Aprilia: Longo afastamento de Iannone pode levar a desligamento

Aprilia: Longo afastamento de Iannone pode levar a desligamento