MotoGP: Zarco vai deixar a KTM no final da temporada 2019

Contratado no começo deste ano, piloto francês tinha vínculo até o fim de 2021, mas as partes preferiram a separação

MotoGP: Zarco vai deixar a KTM no final da temporada 2019

A KTM anunciou que Johann Zarco deixará a equipe no final de 2019 e, portanto, não cumprirá seu atual contrato de dois anos. O piloto francês da MotoGP foi para a escuderia no começo deste ano, de modo que ficaria até o fim da temporada que vem, o que não vai mais ocorrer.

A fabricante austríaca assinou com Zarco, bicampeão da Moto2, depois de o francês ter impressionado na categoria rainha a bordo da Tech 3, que, na época, era uma equipe satélite da Yamaha na MotoGP.

Leia também:

No entanto, Zarco foi incapaz de replicar aquela boa forma com a KTM, tendo até agora marcado apenas 22 pontos. Já o seu companheiro de equipe, o espanhol Pol Espargaró, registrou um total de 61.

As performances e a abordagem do francês foram criticadas pelo CEO da KTM, Stefan Pierer. Apesar de algumas tentativas, como a introdução de um treinador, Zarco e a equipe decidiram não continuar juntos após a temporada atual.

"Zarco tentou adaptar seu estilo de pilotagem à KTM RC16 e a equipe tentou moldar a máquina número 5 aos desejos e exigências do francês, enquanto Espargaró fez qualificações constantes para o Q2 e persistentemente disputou as 10 primeiras posições", afirmou a KTM.

"Em última análise, tanto Johann como a equipe decidiram não prosseguir com seu projeto conjunto para 2020 e vão agora concentrar-se em dar o máximo para as oito rodadas finais nos meses restantes da MotoGP 2019".

Pierer já havia confirmado anteriormente que Zarco pediu a rescisão antecipada do contrato, embora não tenha sido claro para a KTM se o francês gostaria de terminar a temporada - o piloto de testes Mika Kallio era uma opção.

Ainda não foi confirmado quem vai substituir Zarco na temporada 2020, embora o estreante da Tech 3, Miguel Oliveira (foto abaixo) - que terminou em oitavo lugar na Áustria -, pareça a opção mais óbvia.

Acredita-se também que a KTM considere Jack Miller, que oficialmente permanece como um agente livre para 2020 e cujo futuro foi brevemente deixado no limbo quando Jorge Lorenzo emergiu como um candidato para substituí-lo na Pramac Ducati no próximo ano.

No entanto, Lorenzo decidiu ficar na Honda, e Miller indicou ao Motorsport.com no último domingo que seu futuro na Pramac estava quase firme e que ele continuaria a guiar uma Ducati de fábrica para a equipe satélites no ano que vem.

Johann Zarco, Red Bull KTM Factory Racing, Miguel Oliveira, Red Bull KTM Tech 3

Johann Zarco, Red Bull KTM Factory Racing, Miguel Oliveira, Red Bull KTM Tech 3

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

compartilhar
comentários
Valentino Rossi: 'Dovizioso é um campeão, só falta o título'
Artigo anterior

Valentino Rossi: 'Dovizioso é um campeão, só falta o título'

Próximo artigo

Veja ultrapassagem de Dovizioso em Márquez na Áustria

Veja ultrapassagem de Dovizioso em Márquez na Áustria
Carregar comentários