Últimas notícias

Quartararo afirma que primeira volta no GP da Malásia foi um "desastre total"

Pole no GP da Malásia, piloto da Yamaha Petronas tinha chance de buscar primeira vitória, mas ao invés disso, terminou a corrida na sétima posição

Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT

Gold and Goose / Motorsport Images

Fabio Quartararo disse que sua primeira volta na etapa da Malásia de MotoGP foi um “desastre total”, que o fez começar a corrida com o pé esquerdo e ficar de fora do pódio.

Leia também:

O piloto da Yamaha Petronas tinha a chance de buscar sua primeira vitória na categoria em Sepang, após bater o recorde da pista e largar da pole. No entanto, o francês esteve estranhamente ausente ao longo da prova, depois de fazer uma largada ruim e perder várias posições.

Refletindo sobre seu desapontamento depois da corrida, o jovem francês reconheceu que tudo começou com o “desastre total” na volta de abertura, que o enterrou no meio do pelotão intermediário.

“Foi uma corrida realmente difícil”, disse o francês. “Eu tive muitas dificuldades. Minha primeira volta foi um desastre total. Depois disso, lutei muito para manter a moto, ultrapassar era impossível”.

Veja a largada da corrida em Sepang:

 

“Não acho que seja a aderência do circuito, porque eu ouvi que [Maverick] Viñales fez voltas muito rápidas no começo. Mas nós lutamos muito com a dianteira. Todo mundo pilotou com os pneus médios [na dianteira], então a escolha estava ok. Foi realmente estranho. Precisamos analisar o que aconteceu exatamente”.

“Claro que estou desapontado”, disse Quartararo. “Nós tínhamos ritmo para brigar pelo menos para chegar ao pódio, e terminamos mais de 10s atrás do líder. Com certeza não é o resultado que esperávamos”.

Quer ver Fórmula 2, Fórmula 3, Indy e Superbike de graça? Inscreva-se no DAZN e tenha acesso grátis por 30 dias a uma série de eventos esportivos. Cadastre-se agora clicando aqui. 

Veja o resultado completo do GP da Malásia:

1 - Maverick Vinales, Yamaha Factory Racing
2 - Marc Marquez, Repsol Honda Team
3 - Andrea Dovizioso, Ducati Team
4 - Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
5 - Alex Rins, Team Suzuki MotoGP
6 - Franco Morbidelli, Petronas Yamaha SRT
7- Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT
8 - Jack Miller, Pramac Racing
9 - Danilo Petrucci, Ducati Team
10 - Joan Mir, Team Suzuki MotoGP
11 - Pol Espargaro, Red Bull KTM Factory Racing
12 - Francesco Bagnaia, Pramac Racing
13 - Aleix Espargaro, Aprilia Racing Team Gresini
14 - Jorge Lorenzo, Repsol Honda Team
15 - Mika Kallio, Red Bull KTM Factory Racing
16 - Hafizh Syahrin, Red Bull KTM Tech 3
17 - Karel Abraham, Avintia Racing
18 - Johann Zarco, Team LCR Honda
19 - Cal Crutchlow, Team LCR Honda
20 - Andrea Iannone, Aprilia Racing Team Gresini
20

Siga o Motorsport.com no Twitter, Facebook, Instagram e Youtube.

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Márquez: “Me doía todo o corpo, mas Viñales foi o mais rápido hoje”
Próximo artigo Rossi faz a volta mais rápida da corrida e diz: "Pódio seria grande recompensa"

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil