NASCAR: Villeneuve tentará correr Daytona 500

Canadense conta com equipe holandesa para façanha na principal corrida da maior categoria do automobilismo norte-americano

NASCAR: Villeneuve tentará correr Daytona 500
Carregar reprodutor de áudio

Campeão da Fórmula 1 em 1997 e da Indy 500 de 1995, Jacques Villeneuve planeja ter outra chance de vencer a Daytona 500.

O canadense de 50 anos passou terça e quarta-feira no Daytona International Speedway pilotando o Ford #27 do carro da próxima geração da NASCAR Cup Series com o Team Hezeberg, uma nova equipe formada entre a lenda do automobilismo Toine Hezemans e o empresário holandês Ernst Berg.

Leia também:

Loris Hezemans, campeão da NASCAR Euro de 2019, planeja competir em todos os eventos de misto no calendário de 2022 com a equipe, mas ainda não está aprovado para grandes ovais.

Quando perguntado sobre ter a chance de competir na Daytona 500, Villeneuve disse: “Seria incrível. A última vez que estive na NASCAR foi há alguns anos, muitos anos. Seria realmente especial.”

“É uma corrida muito especial para participar e é difícil entrar no show quando você tem que se classificar ou fazer os Duels (corrida de qualificação). Isso torna mais estressante. Apenas fazer parte do show seria algo especial.”

A Hezeberg não possui um charter (lugar garantido no grid) na Cup, então Villeneuve teria que chegar na Daytona 500 de 2022 se classificando na primeira fila ou nas corridas de qualificação, os Duels.

Villeneuve tem quatro corridas na NASCAR, mas não conseguiu se classificar para a Daytona 500 em 2008 na Bill Davis Racing, em sua única tentativa, quando se envolveu em um acidente em sua corrida de classificação (veja foto). Ele também correu corridas em Talladega, Phoenix, Indianapolis (oval) e Sonoma.

Jacques Villeneuve, Stanton Barrett, Jamie McMurray and Dario Franchitti crash

Jacques Villeneuve, Stanton Barrett, Jamie McMurray and Dario Franchitti crash

Photo by: Motorsport.com / ASP Inc.

Villeneuve venceu sua primeira corrida na NASCAR Euro na temporada passada. Ele compete na categoria desde 2019, além de seu trabalho como comentarista de F1 para a Sky Sport Itália e Canal+ na França.

“Sempre quis correr na NASCAR”, disse Villeneuve. “Tem sido uma questão de oportunidades e tornou-se cada vez mais difícil competir.”

Villeneuve disse que não tinha certeza do que esperar, competindo no Next Gen em Daytona, já que ele correu pela última vez com um carro da Cup nesta pista em 2008.

“A pista era realmente acidentada. Esses carros têm muito downforce, mais próximos de um carro GT”, disse ele. “Eles parecem ser bastante fáceis de guiar. No momento, não estamos rápidos (sozinhos), mas junto com os outros, foi super fácil de guiar.”

Villeneuve disse que aprecia a oportunidade de fazer uma ou mais corridas da NASCAR nesta temporada com o Team Hezeberg.

“É uma nova equipe, uma equipe pequena, e agora estamos focando em Daytona e esperamos fazer mais corridas”, disse ele. “Foi ótimo estar de volta ao carro. Fiz algumas voltas no teste de Charlotte Roval, que foi muito complicado. O carro era estranho de guiar lá.”

“Para voltar (a Daytona), existem algumas corridas no mundo que se destacam para mim – a Indy 500, as 24 Horas de Le Mans e Daytona. Faz parte desse grupo muito pequeno de corridas especiais que, se você tiver a chance, experimente.”

DEBATE: Você demitiria Michael Masi?

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #157: Editor da Band, Fred Sabino fala de sucesso da F1 e dá destaques de 2021

Ouça agora mesmo

 

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

compartilhar
comentários
NASCAR: Larson brilha em Phoenix e coroa temporada de retorno com título
Artigo anterior

NASCAR: Larson brilha em Phoenix e coroa temporada de retorno com título

Próximo artigo

NASCAR terá transmissão do Bandsports em 2022

NASCAR terá transmissão do Bandsports em 2022