Andretti contrata francês e fecha portas para Drugovich; entenda

Motorsport.com explica como a confirmação de Nato na equipe impacta o futuro do piloto do Brasil; confira

Felipe Drugovich, Aston Martin F1 Team

Felipe Drugovich, Aston Martin F1 Team

Zak Mauger / Motorsport Images

Felipe Drugovich acaba de ter mais uma porta fechada na Fórmula E: após ver a Maserati, pela qual liderou testes da F-E em Berlim e Roma, 'encaminhar' a manutenção da sua dupla para 2024, o brasileiro já sabe que não correrá pela Andretti, que acaba de contratar o francês Norman Nato.

Com isso, a equipe do atual campeão Jake Dennis, da Grã-Bretanha, encerra os rumores sobre seu line-up para o próximo ano, com Drugovich fora do páreo nos dois times da categoria elétrica nos quais foi especulado. Na Fórmula 1, entende-se que o brasileiro segue com chances na Sauber.

O editor recomenda:

Nos bastidores, aliás, 'pesou contra' Felipe na F-E o fato de o paranaense priorizar as negociações por uma vaga de titular na F1, o que também teria feito o brasileiro recusar uma proposta para testar pela Ed Carpenter na Indy. Em 2022, Drugo também teria negado proposta da Chip Ganassi.

 

Na F1, além da escuderia suíça -- atual Alfa Romeo, que voltará a se chamar Sauber em 2024 com o fim do acordo de naming rights com a marca italiana --, a Williams também foi ventilada como possível destino de Felipe, hoje reserva da Aston Martin compartilhado com a McLaren.

Além da vaga de Zhou Guanyu na Alfa Romeo / Sauber -- que virará Audi em 2026 --, disputada pelo próprio chinês, por Felipe, por Théo Pourchaire, da França, e potencialmente até por Mick Schumacher, da Alemanha, e do assento de Logan Sargeant na Williams, equipe que pode manter o norte-americano ou contratar outro piloto, com os próprios Zhou e Mick especulados junto a Drugo e ao espanhol bicampeão da Indy Álex Palou, há ainda as vagas da AlphaTauri para 2024.

Porém, entende-se que, para o ano que vem, o 'time B' da Red Bull na elite global do esporte a motor deve escolher dois entre três pilotos que já correram pela escuderia em 2023: o titular Yuki Tsunoda, do Japão, e os oceânicos Daniel Ricciardo, da Austrália, e Liam Lawson, da Nova Zelândia. O jovem neozelandês e o competidor nipônico, aliás, também foram recentemente apontados como opções para a Williams.

Veja também como está o mercado da Fórmula E para 2024:

Equipe Powertrain Pilotos
United Kingdom NEOM McLaren Formula E Team Nissan  United Kingdom Jake Hughes
United Kingdom Sam Bird
United Kingdom Jaguar TCS Racing Jaguar  New Zealand Mitch Evans
New Zealand Nick Cassidy
United Kingdom Envision Racing Jaguar  Switzerland Sébastien Buemi
Netherlands Robin Frijns
Japan Nissan Formula E Team Nissan  France Sacha Fenestraz
United Kingdom Oliver Rowland
United States Andretti Global Porsche United Kingdom Jake Dennis
France Norman Nato
Monaco Maserati MSG Racing Maserati  Switzerland Edoardo Mortara
Germany Maximilian Günther (renovação provável, mas ainda não confirmada)
France DS Penske DS N/A 
N/A 
China NIO 333 Racing NIO N/A 
N/A 
Germany ABT CUPRA Formula E Team Mahindra N/A 
N/A 
India Mahindra Racing Mahindra Brazil Lucas di Grassi (renovação provável, mas ainda não confirmada)
N/A 
Germany TAG Heuer Porsche Formula E Team Porsche N/A 
N/A 

Massa detalha judicialização da F1 2008 ao Motorsport.com

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Motorsport.com debate Ferrari pós-Monza, futuro de Sainz e possibilidade de Palou na F1

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior F1: Quem são os favoritos para ocupar a vaga na Williams em 2024?
Próximo artigo Norris detalha problema nas costas agravado por carros atuais da F1

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil