F1: Alonso se coloca "disponível para tudo" que a Renault precisar em 2020

compartilhar
comentários
F1: Alonso se coloca "disponível para tudo" que a Renault precisar em 2020
Por:
, Editor

O espanhol falou mais sobre sua primeira visita à fábrica de Enstone após mais de uma década

Fernando Alonso está confirmado para voltar à Fórmula 1 no próximo ano após duas temporadas fora, reeditando pela terceira vez a parceria com a Renault. E o bicampeão quer ajudar sua antiga equipe no que for necessário antes mesmo do início de seu contrato, em 2021.

Após sua participação nas 500 Milhas de Indianápolis em agosto, as atenções de Alonso se voltam agora ao seu retorno à F1, com o espanhol fazendo sua primeira visita à fábrica da equipe em Enstone nesta semana.

Leia também:

Alonso passou por um ajuste de banco na fábrica para o R.S.20, enquanto a equipe segue esperançosa de que o piloto poderá participar do teste do fim de temporada em Abu Dhabi.

Falando em uma entrevista divulgada pela Renault após sua visita, Alonso disse que estará próximo para ajudar a equipe nos finais de semana de corrida pelo resto da temporada 2020. O espanhol está planejando também passar um tempo no simulador.

"O meu foco até o próximo ano é ajudar ao máximo a equipe no que eles precisarem de mim. Terei alguns dias no simulador aqui na fábrica, em preparação para o próximo ano, além de ajudar nos próximos finais de semana".

"Acredito que irei para algumas corridas, acompanhando a equipe na garagem e entendendo a filosofia de trabalho. Abu Dhabi certamente estarei presente e espero poder ir à Ímola. É uma pista próxima de minha casa".

"Estarei disponível para tudo que a equipe precisar".

Alonso terá ao seu lado Esteban Ocon, ocupando a vaga deixada por Daniel Ricciardo, que está a caminho da McLaren. O espanhol correu pela Renault entre 2002 e 2006, quando venceu seus dois Mundiais, além de um retorno entre 2008 e 2009.

Mas ele notou várias mudanças em Enstone desde a sua última visita à fábrica, há mais de uma década.

"Na última vez que estive aqui, o simulador não existia, então é uma boa evolução. Tive reuniões com pessoas importantes na equipe, para revisar o programa para o próximo ano e a preparação".

"Visitar a fábrica após tantos anos, você sempre descobre coisas novas. O simulador é novo, o túnel de vento foi atualizado, a academia que eu visitava bastante. Há coisas que sempre são melhores na fábrica, e acho que a equipe está em boa forma para o futuro".

Renault R.S.20

(Temporada 2020)

Renault R.S.20
Motor: Renault
Combustível: BP Ultimate
Pneus: Pirelli

Pilotos:

3 - Daniel Ricciardo

31 - Esteban Ocon

TELEMETRIA: Novo CEO da F1, frustração para Max e Vettel comparado a Schumi; Rico Penteado comenta

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

Recordes de Schumi e Barrichello e paciência de Verstappen: o que está em jogo no GP da Rússia de F1?

Artigo anterior

Recordes de Schumi e Barrichello e paciência de Verstappen: o que está em jogo no GP da Rússia de F1?

Próximo artigo

F1: Honda terá última atualização no motor de 2020 para GP da Rússia

F1: Honda terá última atualização no motor de 2020 para GP da Rússia
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso
Equipes Renault F1 Team
Autor Luke Smith