Fórmula 1 GP de Miami

F1 - CEO da Alpine detona performance "amadora" da equipe: "Não justifica nosso investimento"

Rossi não poupou críticas ao time da marca francesa, dizendo que erros são inaceitáveis

Pierre Gasly, Alpine A523, comes to a halt with a fire

O CEO da Alpine, Laurent Rossi, está furioso com o rendimento da equipe na Fórmula 1, afirmando durante o GP de Miami que esta temporada é "inaceitável", com comportamento "amador" em diversos momentos.

Com a equipe enfrentando um início de temporada desafiador, com apenas oito pontos conquistados e o sexto lugar no Mundial de Construtores, Rossi não está impressionado com o trabalho.

Leia também:

Falando ao canal francês Canal+ direto de Miami antes da classificação, onde Pierre Gasly surpreendeu ao conquistar a quinta posição no grid de largada, Rossi criticou o ano até aqui.

"É desapontador, é ruim. Este ano começou com uma performance ruim e uma entrega ruim. É óbvio que nossa posição no Mundial não justifica nosso investimento. Estamos longe, muito longe do objetivo deste ano. Estou notando não somente uma falta óbvia de performance e rigor na entrega, mas também uma potencial mentalidade que não condiz com o padrão do time".

Laurent Rossi, Alpine CEO

Laurent Rossi, Alpine CEO

Photo by: Erik Junius

As últimas duas etapas foram difíceis para a Alpine, com Gasly e Esteban Ocon batendo em uma das relargadas em Melbourne, enqaunto em Baku o time sofreu durante todo o fim de semana, terminando novamente sem pontuar.

Mas Rossi ainda destacou o Bahrein como outro momento baixo, com a série de punições a Ocon por largar fora do posicionamento, a equipe tocando no carro enquanto ele pagava a punição e o excesso de velocidade no pit stop.

"Não gostei também do primeiro GP, porque tivemos muito amadorismo, que levou a um resultado que não era certo. Foi medíocre, ruim. E a última corrida, em Baku, foi muito similar ao Bahrein. Isso não é aceitável".

Podcast #228 - Reclamações de Verstappen em Baku mostram que bicampeão 'sentiu o golpe'?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: De Ferran retorna à McLaren como consultor em meio à reestruturação da equipe
Próximo artigo F1: FIA determina novo protocolo de parque fechado após incidente com Ocon em Baku

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil