F1: Desempenho recente recuperou ânimo da Mercedes na luta pelo título

Equipe alemã tinha preocupações com ritmo da Red Bull ao longo de todo um fim de semana de corrida e se recuperou desde Silverstone

F1: Desempenho recente recuperou ânimo da Mercedes na luta pelo título

A Mercedes disse que as vitórias recentes diminuíram os temores de que sua mudança para o desenvolvimento de seu carro de Fórmula 1 de 2022 poderia desencadear uma queda de desempenho agora. As equipes tiveram que equilibrar o trabalho nos carros deste ano com os esforços necessários para maximizar o potencial dos desafios da próxima temporada.

E enquanto a Red Bull seguia em frente até o início do campeonato com atualizações para seu RB16B, a equipe alemã decidiu encerrar o trabalho em seu W12 bem cedo para se concentrar em seu projeto futuro, pois sentiu que não podia correr o risco de ficar para trás com o novo regulamento, embora reconhecesse que havia o perigo de ser superado na pista em 2021.

Leia também:

No entanto, apesar da Red Bull ter desfrutado de uma boa fase antes da pausa de agosto em que foi quem estabeleceu o ritmo, a Mercedes mudou as coisas desde o GP da Bélgica. Valtteri Bottas venceu a corrida sprint em Monza antes de reivindicar a vitória na Turquia, enquanto Lewis Hamilton saiu na frente na Rússia.

Para a escuderia, mais importante do que o resultado é o fato de se manter tão competitiva, já que essa foi a fase da temporada em que se preocupou em ficar para trás. O diretor de engenharia, Andrew Shovlin, disse: "Tivemos uma boa corrida no seco e mostramos bom desempenho no molhado. Parece um carro que pode vencer campeonatos."

"Se voltarmos ao início do ano com as decisões que foram tomadas em relação ao desenvolvimento, tentando equilibrar, uma das nossas preocupações era se ainda conseguiríamos poles, dobradinhas e controlar uma prova. É realmente reconfortante mostrarmos que temos um pacote que pode qualificar na frente deles [Red Bull] em um sábado e ultrapassá-los no domingo."

Valtteri Bottas, Mercedes W12, in the pit lane

Valtteri Bottas, Mercedes W12, in the pit lane

Photo by: Jerry Andre / Motorsport Images

No entanto, embora as indicações pareçam positivas, a equipe sugeriu que um cenário 'cachinhos dourados' com seus pneus na Turquia a deixou ciente de que seu ritmo pode não ser tão forte em todos os lugares contra a rival austríaca.

O diretor técnico James Allison admite que a forma da Mercedes em Istambul foi potencialmente lisonjeada por ela ter descoberto que seus compostos estavam em uma boa situação durante todo o fim de semana, em vez de sofrer um desequilíbrio de manuseio como outros times.

"Um de nossos engenheiros neste falou sobre os pneus estando em uma espécie de cachinhos dourados neste fim de semana: nem muito quente, nem muito frio em um asfalto que é particularmente exigente", comentou. "Sabíamos que éramos muito fortes."

"Também tínhamos noção que as margens eram estreitas. Alguns graus aqui ou ali e poderíamos ter ido para o lado quente ou frio. Então, foi um desempenho muito bom, o carro estava muito bem equilibrado, não parecemos sofrer tanto com as saídas de frente que prevaleceu no grid, mas não acho que isso seria padrão nas corridas que virão."

Allison acredita que uma indicação muito melhor do potencial da equipe contra a Red Bull vem de olhar para a tendência dos eventos mais recentes - com sua equipe só tendo ficado para trás no GP da Holanda.

"Em Silverstone, colocamos um pacote de atualização decente em nosso carro e isso tornou a nossa temporada mais feliz", disse ele. "Nas corridas desde então, acho que só houve uma em que fomos totalmente derrotados, em Zandvoort. Nas outras, acho que tivemos o carro mais rápido."

"Na maioria dos lugares onde somos os mais velozes, tem sido mais uma espécie de cara ou coroa do que uma garantia. O que eu acho que isso significa é que pelo menos estamos na luta. "

NOVA GERAÇÃO: Como MAX, George, Charles, Lando e cia são JULGADOS na F1? Produtora da Band ABRE JOGO

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #138 – Red Bull não sabe o que fazer contra Mercedes após GP da Turquia?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Marko se preocupa com avanço da Mercedes: "Se rendimento seguir, teremos um problema"
Artigo anterior

F1 - Marko se preocupa com avanço da Mercedes: "Se rendimento seguir, teremos um problema"

Próximo artigo

Vettel: F1 deve se perguntar se dinheiro vale mais que ética

Vettel: F1 deve se perguntar se dinheiro vale mais que ética
Carregar comentários