F1: Marko alega que Ricciardo será útil pelo "sorriso" e descarta pressão sob Pérez

Conselheiro da equipe garante que australiano foi recrutado apenas para atividades de marketing

Daniel Ricciardo, McLaren

Daniel Ricciardo voltará ao antigo ninho no ano que vem e voltará a fazer parte da 'família' Red Bull na Fórmula 1. O alegre homem de Perth saiu no final de 2018, em parte porque não queria ser o segundo piloto atrás de Max Verstappen, mas retornará em 2023 como terceiro piloto.

Leia também:

A escolha de sair não acabou sendo uma jogada feliz com o conhecimento de hoje, embora Ricciardo não pudesse imaginar que, depois de seus anos na Renault, a passagem pela McLaren seria tão decepcionante.

O resultado é uma temporada afastado. Ricciardo atuará como o homem para corridas de exibição no próximo ano e estará em vários GPs como piloto reserva. De acordo com Helmut Marko, não há absolutamente nenhuma ideia subjacente para pressionar Sérgio Perez com a chegada de Ricciardo.

"Não. Sergio mostrou que pode pilotar em um nível muito alto. Se Max não está lá, Sergio está presente. Ele venceu duas corridas este ano por um motivo", disse Marko à Servus TV.

Sergio Perez, Red Bull Racing RB18

Sergio Perez, Red Bull Racing RB18

Photo by: Erik Junius

Segundo o austríaco, as qualidades de Ricciardo são úteis em uma área completamente diferente. “Tem que pensar: somos um grande time. Temos a maior quantidade de patrocinadores de todos as equipes, isso significa que também temos uma quantidade absurda de obrigações em um ano, como corridas com show cars e apresentações na América. Quem melhor para fazer isso do que Ricciardo com seu sorriso, seu shoey e não sei o que mais ele tem a oferecer?” ri o ex-vencedor das 24 horas de Le Mans.

Além disso, Ricciardo também é um valor agregado se ele inesperadamente tiver que substituir um dos pilotos regulares da Red Bull Racing ou AlphaTauri. "Ele terá uma rotina. Isso também é importante se ele tiver que substituir uma de nossas equipes. Então teremos pelo menos um piloto atrás de nós que sabemos que levará o carro até o final. Mas novamente: não é como se quiséssemos pressionar Sergio com isso", conclui Marko.

Bastidores da possível 'volta' da Honda à F1, como montadora ou equipe própria

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate os pilotos destacados da F1 2022; ouça já!

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior ANÁLISE F1: Aston Martin pode chegar ao sucesso sem copiar Mercedes, Red Bull e Ferrari?
Próximo artigo Quanto ganham os chefes de equipe da Fórmula 1?

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil