F1: Mecânico revela detalhes sobre racha entre Alonso e Hamilton na McLaren

Marc Priestley, que trabalhou na McLaren em 2007, disse que ninguém esperava nada de Hamilton no início daquele ano

F1: Mecânico revela detalhes sobre racha entre Alonso e Hamilton na McLaren
Carregar reprodutor de áudio

Após ser campeão da GP2 – atual Fórmula 2 – em 2006, Lewis Hamilton fez sua estreia na Fórmula 1 em 2007 como companheiro de equipe de Fernando Alonso na McLaren. No entanto, um clima bélico entre os dois fez com que eles perdessem o mundial para Kimi Raikkonen, enquanto ambos ficaram empatados em pontos logo atrás.

Mecânico da McLaren na época, Marc Priestley disse recentemente a um podcast que no início eles não esperavam muito de Hamilton e todos queriam trabalhar no carro de Alonso. "Os mecânicos e engenheiros estavam discutindo sobre quem poderia ficar com Fernando, não queriam estar com Lewis, pois não esperavam muito dele em seu primeiro ano”, disse ao Pitlane Life Lessons.

Leia também:

"Todos queriam ganhar o mundial, assim como os pilotos, e pensamos que a melhor chance era estar no carro do atual campeão. Depois que percebemos a velocidade do nosso carro, todos na fábrica esperavam que Fernando seria nosso homem a entregar melhores resultados", completou.

O ex-mecânico disse que a McLaren tinha tudo o que precisava para ser campeã mundial naquele ano, mas que faltou somente uma coisa: coesão na equipe. “Fernando e Lewis fizeram de tudo para puxar a equipe para eles. A McLaren lidou muito mal com isso, pois foi a primeira vez em muitos anos que vimos essa dinâmica entre os competidores. Havia uma gestão pessoal muito ruim, tanto dos pilotos quanto das áreas ao redor”, declarou.

"Claro, todo mundo ficou do lado do seu próprio piloto e isso criou um grande racha dentro da equipe. Acho que essa foi a razão pela qual não nos tornamos campeões mundiais em 2007, mesmo quando tínhamos o melhor carro, os melhores pilotos e melhores funcionários", prosseguiu Priestley.

“Tivemos todas as oportunidades de ganhar o título, mas não deu certo porque, como equipe, nem todos os cilindros funcionaram. Não fomos todos na mesma direção por conta da divisão que havia entre nós”, finalizou.

Após polêmica, Sergio Mauricio comenta 'treta' no Twitter, explica "mimimi" e manda recado a haters

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST #179: O que Hamilton e Russell podem conseguir com melhora da Mercedes?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1 - Jo Ramírez: “Pérez cumpriu seu papel em ajudar Verstappen no campeonato”
Artigo anterior

F1 - Jo Ramírez: “Pérez cumpriu seu papel em ajudar Verstappen no campeonato”

Próximo artigo

F1: Questões privadas e segredos técnicos fazem Sainz "sofrer" com carro da Ferrari

F1: Questões privadas e segredos técnicos fazem Sainz "sofrer" com carro da Ferrari