F1: Mercedes revela que Verstappen não é a única opção como sucessor de Hamilton

Toto Wolff diz que equipe está de olho em nova safra de jovens pilotos e destacou a essencialidade de Lewis Hamilton no time

F1: Mercedes revela que Verstappen não é a única opção como sucessor de Hamilton

Chefe da Mercedes, Toto Wolff insiste que Max Verstappen não é o único piloto da Fórmula 1 que sua equipe pode tentar ter no futuro, quando Lewis Hamilton se aposentar.

Atualmente, Hamilton tem um contrato de apenas um ano com a Mercedes, mas está ansioso para fechar neste verão europeu um acordo de longo prazo que o leve até as próximas temporadas.

Leia também:

No entanto, a Mercedes está bem ciente de que em algum momento precisará olhar para o futuro e encontrar alguém que possa intensificar e realizar suas esperanças de título mundial.

Há muito que Verstappen é assunto na Mercedes como um potencial alvo a longo prazo, especialmente se a Red Bull não conseguir entregar um carro capaz de vencer o título mundial que o holandês tanto deseja.

Mas Wolff deixou claro que existem outros candidatos, além de Verstappen, que têm potencial para estar lá e ter sucesso.

"Você sempre olha para o grupo de pessoas que podem estar na Mercedes no futuro", disse Wolff, em uma entrevista exclusiva para o Motorsport.com da Itália.

“Max é certamente uma estrela fantástica do futuro, mas ele não é o único. E eu vejo um grupo de jovens pilotos realmente bons que ainda não estão nas máquinas de que precisam para vencer.”

"E a esse respeito, é bom ver como isso se concretiza."

A Mercedes já está avaliando os jovens em potencial para entrar na equipe em 2022, caso Valtteri Bottas não feche um novo contrato.

Mas Wolff deixou claro que está totalmente empenhado em dar a Bottas a oportunidade de provar que merece ficar antes de tomar qualquer decisão sobre seus próximos passos.

"Valtteri continua sendo nosso piloto e serei sempre leal a ambos, e não me preocuparei com o futuro", disse ele.

“Mas todos nós temos a obrigação de, como posso dizer, mapear os planos. E, nesse aspecto, temos que considerar todas as opções para os dois carros.

“Como temos dois juniores da Mercedes, Esteban [Ocon] e George [Russell], eles desempenham um determinado papel.”

"E também estamos de olho nos outros jovens que estão surgindo fortes. Mas, tendo dito isso, hoje, há apenas dois pilotos que eu olho e são Valtteri e Lewis."

Wolff também deixou claro que não tinha nada além de elogios por tudo que Hamilton trouxe para a Mercedes, e disse que o britânico era "essencial" para o sucesso da equipe.

"Lewis está com a Mercedes desde sempre", disse ele. “Hoje ele é parte integrante da equipe. Ele contribui para o desempenho, e é a mais visível de todas as pessoas que a trabalham e tem um papel fundamental no nosso sucesso.”

"Ele corre com o carro, ele é a última linha de ataque, com o Valtteri. E é por isso que ele é essencial para nós hoje."

F1: TRETA de MERCEDES e RED BULL ganha novo capítulo após BRONCA de Hamilton; entenda ASA FLEXÍVEL

PODCAST: Mercedes X Red Bull já pode ser considerada uma das maiores rivalidades da F1?

 

compartilhar
comentários
F1: Marko rebate Mercedes sobre polêmica com asas flexíveis: "Wolff disse a Lewis para criar um clima"

Artigo anterior

F1: Marko rebate Mercedes sobre polêmica com asas flexíveis: "Wolff disse a Lewis para criar um clima"

Próximo artigo

F1 anuncia cancelamento de GP da Turquia e segunda prova na Áustria

F1 anuncia cancelamento de GP da Turquia e segunda prova na Áustria
Carregar comentários