F1: Porca da roda de Bottas ainda está presa no carro após problema de pit stop em Mônaco

Mercedes não conseguiu tirar pneu dianteiro direito do carro do finlandês e piloto teve que abandonar corrida

F1: Porca da roda de Bottas ainda está presa no carro após problema de pit stop em Mônaco

A Mercedes só conseguirá remover a porca da roda do carro de Valtteri Bottas ao retornar à fábrica da equipe após seu problema no pit stop do GP de Mônaco de Fórmula 1.

Bottas estava em segundo na corrida em Mônaco no domingo (23) - cinco segundos atrás do líder Max Verstappen - antes de entrar nos boxes na volta 30 para trocar os pneus.

Leia também:

No entanto, a equipe alemã não conseguiu tirar o pneu dianteiro direito do carro do finlandês, deixando-o preso nos boxes, e o vice-campeão de 2020 foi forçado a abandonar a prova.

O diretor técnico do time, James Allison, explicou o ocorrido: “Se não acertarmos a arma de pit stop de forma precisa na porca, ela pode lascar as faces de direção da peça”, disse.

“Chamamos isso de usinagem da porca. É um pouco como quando você pega uma chave de fenda Phillips e não acerta diretamente na cruz da chave."

“Você começa a arredondar a face motriz das ranhuras da chave de fenda e então simplesmente não consegue tirar o parafuso que está tentando tirar porque você não tem mais as faces motrizes."

“Uma coisa muito semelhante acontece com nossas porcas de pit stop se a arma começar a girar e lascar as faces de acionamento da porca da roda."

“Dado o poder da arma, você pode acabar sem uma face motriz e simplesmente maquinar a porca até onde não existe mais nada para segurar, e é isso o que aconteceu hoje.”

Allison revelou que a Mercedes foi incapaz de retirar a porca da roda do monoposto, exigindo uma furadeira de alta potência para fazer a remoção na fábrica.

“Terá que ser desbastado, retirar uma Dremel e cortar os restos da porca da roda. Faremos isso na fábrica.”

O abandono do piloto custou à equipe um provável pódio em Mônaco, permitindo que a Red Bull assumisse a liderança do campeonato de construtores por um ponto, depois de um sétimo lugar de Lewis Hamilton na corrida. 

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, disse que “muitos fatores” contribuíram para o problema, se recusando a atribuí-lo a um único erro.

“Precisamos revisar o projeto, precisamos revisar o material da porca da roda, porque os mecânicos que operam as porcas precisam fazer isso de uma forma que você não possa usinar”, disse Wolff.

“E de fato, um mecânico que fez isso é um dos melhores, e um dos mais aptos que a equipe tem em termos de velocidade de pit stop."

“Portanto, sempre há coisas se encaixando. Nunca é culpa de alguém, é sempre multifacetado.”

Design da porca da roda da Mercedes

Wheel nut design on Valtteri Bottas' Mercedes F1 W12

Wheel nut design on Valtteri Bottas' Mercedes F1 W12

Photo by: Giorgio Piola

O design da porca da roda no Mercedes (foto acima) não é igual ao de um carro de rua.

Em vez disso, é feito sob medida e tem forma de cúpula. Possui duas extensões verticais que são capturadas pela pistola de roda para girar a porca.

Essas extensões foram usinadas durante a parada do Bottas e significava que a arma não tinha nada em que se agarrar.

F1 2021: VERSTAPPEN vence em MÔNACO e assume a liderança em dia de PESADELO para HAMILTON | PÓDIO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #105 – O GP de Mônaco ainda é o ponto alto da F1?

 

compartilhar
comentários
Max Mosley, presidente da FIA em período polêmico da F1, morre aos 81 anos

Artigo anterior

Max Mosley, presidente da FIA em período polêmico da F1, morre aos 81 anos

Próximo artigo

F1: Mercedes acreditava que estratégia de Hamilton tinha "potencial maior"

F1: Mercedes acreditava que estratégia de Hamilton tinha "potencial maior"
Carregar comentários