F1: Rivais da Red Bull sentem que teto orçamentário impede aproximação à equipe austríaca

Ferrari e Mercedes lamentam não poder atender anseios de pilotos por conta de não poderem gastar mais dinheiro em temporada atual

George Russell, Mercedes F1 W14, Carlos Sainz, Ferrari SF-23, Lewis Hamilton, Mercedes F1 W14, Fernando Alonso, Aston Martin AMR23, the remainder of the field at the start

Os maiores rivais da Red Bull dizem que as regras de limite de custo da Fórmula 1 têm sido a principal barreira para impedi-los de diminuir a diferença para a frente do pelotão.

Enquanto a Red Bull tenta continuar com as vitórias na Hungria neste fim de semana, seus competidores mais próximos ainda admitem que estão atrás da equipe de Milton Keynes.

Leia também:

E embora as grandes atualizações introduzidas pela Mercedes e pela Ferrari tenham produzido avanços encorajadores, a escala das mudanças nos carros que eles desejam introduzir foi limitada por motivos orçamentários.

Ambas as equipes acreditam que, se os gastos fossem ilimitados, eles teriam trabalhado em revisões muito maiores de seus carros para ajudá-los a chegar na Red Bull.

Questionado sobre o quanto seus desenvolvimentos para 2023 estavam sendo restritos, o chefe da Ferrari, Frederic Vasseur, disse: “O principal fator disso é o limite de custo, que você não pode fazer um novo projeto, como provavelmente acontecia há alguns anos.

“Isso significa que você deve adaptar seu projeto à situação e, nessas condições, acho que demos um passo decente.

“Você também deve considerar que o regulamento é muito mais prescritivo do que antes e é muito difícil dar um grande passo na temporada. Mas estamos, como todos, já trabalhando no projeto do ano que vem, tentando corrigir o rumo.”

Lando Norris, McLaren, 2nd position, the Red Bull trophy delegate, Max Verstappen, Red Bull Racing, 1st position, Lewis Hamilton, Mercedes-AMG, 3rd position, on the podium

Lando Norris, McLaren, 2nd position, the Red Bull trophy delegate, Max Verstappen, Red Bull Racing, 1st position, Lewis Hamilton, Mercedes-AMG, 3rd position, on the podium

Photo by: Steve Etherington / Motorsport Images

O chefe da Mercedes, Toto Wolff, acrescentou: “Compartilho da opinião de Fred. O limite de custo é uma restrição real agora. Porque você não pode simplesmente ter um carro B-spec.

“Lewis [Hamilton] e George [Russell] têm falado bastante sobre o que gostariam de mudar no carro e isso simplesmente não é possível porque nos falta a possibilidade financeira. E é por isso que estamos olhando muito para o próximo ano para mudar essas coisas.”

Embora as mudanças sejam limitadas na temporada atual, há mais espaço para ser mais ousado com as revisões para 2024, pois os valores do limite de custo serão redefinidos.

Mas, embora Wolff tenha afirmado que um ajuste mais fundamental do carro está previsto para o próximo ano, ele diz que a equipe não quer abandonar totalmente todos os esforços para esta temporada.

“Quando perguntei a Niki [Lauda], há muitos anos, em que você quer se concentrar: no campeonato deste ano e vencê-lo ou no ano que vem? Ele diria os dois", explicou Wolff.

“Então, acho que continuar desenvolvendo esses carros é importante para nosso entendimento. Ao mesmo tempo, você não deve desperdiçar recursos quando for para um, digamos, layout diferente do carro no próximo ano. Então, está equilibrando. Mas acho que muitas equipes já têm uma grande parte do desenvolvimento no próximo ano.”

Ricciardo de volta à F1 e de Vries demitido! Red Bull injusta? O que será de Pérez?

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast Motorsport.com debate impacto do 'ressurgimento' da McLaren na F1 2023

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Equipe 'mira' de Vries e vaga para Drugovich na Fórmula E pode estar mais próxima
Próximo artigo F1 - Pérez 'abandona' luta por título e se defende de críticas por má fase: "Não sou segundo por milagre"

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil