F1: Vasseur está "otimista" com a possibilidade de retorno de Sainz para o GP da Austrália

O chefe da Ferrari na Fórmula 1, Fred Vasseur, está "otimista" de que Carlos Sainz poderá retornar ao cockpit para o próximo GP, a decisão será tomada na próxima semana

Carlos Sainz, Scuderia Ferrari

Mark Sutton / Motorsport Images

Diante do processo de recuperação de Carlos Sainz, após cirurgia durante o GP da Arábia Saudita, a Ferrari está otimista com a possibilidade de que ele conseguirá participar do GP da Austrália de Fórmula 1. Se Sainz não puder correr, Oliver Bearman será mais uma vez o reserva da equipe de Maranello em Melbourne, além de suas funções na F2. 

Sainz sentiu-se mal no início do evento de Jeddah e, na manhã de sexta-feira, foi confirmado que ele estava com apendicite e teria de perder a corrida, dando a Bearman a chance de estrear na F1.

Leia também:

O piloto do carro 55 foi operado imediatamente. Ele ainda foi para o circuito na corrida de sábado. Embora andando com extremo cuidado. Ele voou de volta para a Europa no domingo. Todos os esforços agora estão concentrados em deixá-lo em forma para a próxima corrida, na Austrália.

"Sinceramente, não sei", disse Vasseur quando perguntado após a corrida de Jeddah sobre o possível retorno de Sainz. "A recuperação até agora é incrível, o fato de ele ter conseguido vir hoje [sábado] para estar com a equipe é um sinal muito bom e um apoio muito bom para nós.

"Agora, ele voltará comigo amanhã [domingo] e terá uma semana de descanso completo, e tomaremos uma decisão sobre quando ele terá de voar para Melbourne daqui a uma semana. Mas estou bastante otimista.", revelou.

Na temporada de 2022, Alex Albon provou que era possível se recuperar rapidamente de uma operação semelhante quando voltou para o GP de Singapura de 2022 depois de perder a corrida anterior na Itália.

Carlos Sainz, Ferrari SF-24

Carlos Sainz, Ferrari SF-24

Foto de: Shameem Fahath

Mas cada indivíduo é diferente, e a complicação adicional para Sainz é o voo de 24 horas para a Austrália, além da necessidade de ir o mais cedo possível para se ajustar à mudança de fuso horário. Isso significa que ele terá de viajar neste fim de semana para chegar a Melbourne na segunda ou terça-feira, no máximo.

No entanto, o plano é que ele viaje, aconteça o que acontecer, e então uma decisão final será tomada antes do início da ação na pista na sexta-feira.

Com relação aos esforços de Sainz no cockpit na quinta-feira, Vasseur disse: "Acho que é uma característica da família! Quando ele chegou na quinta-feira de manhã, não estava se sentindo bem, 'Deixe-me tentar dar algumas voltas', e ele fez a sessão inteira. À tarde, foi exatamente a mesma coisa."

"Foi inacreditável, porque descobri depois da sessão que ele estava completamente destruído. Se você olhar o resultado do TL1 e do TL2, verá que ele tinha um ritmo muito bom e até conseguiu fazer longas corridas, e isso foi fantástico."

"Mas agora vamos nos concentrar no futuro de Carlos. O mais importante não é forçar hoje, é se recuperar e se recuperar adequadamente.", ponderou.

Circuit staff replace the garage banner of Carlos Sainz, Scuderia Ferrari, with that of Oliver Bearman, Scuderia Ferrari

A equipe do circuito substitui a faixa da garagem de Carlos Sainz, Scuderia Ferrari, pela de Oliver Bearman, Scuderia Ferrari

Foto de: Sam Bloxham / Motorsport Images

"Não quero me apressar, mas ele é um adulto e tomará a decisão certa. É uma recuperação grande, e agora temos que nos concentrar em Melbourne. Ele precisa ter um bom descanso esta semana e veremos na próxima.", encerrou o chefe da Ferrari.

VERSTAPPEN DESTRÓI rivais com Red Bull em GUERRA; veja debate. Novidades na MotoGP

Podcast #272 – Qual papel de Verstappen na crise da Red Bull?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Red Bull não "forçará" Verstappen a ficar se ele quiser sair
Próximo artigo Red Bull ultrapassa Williams e agora mira na Mercedes no ranking de vitórias na F1

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil