Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
56 dias
06 mai
Próximo evento em
98 dias
20 mai
Próximo evento em
112 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
126 dias
10 jun
Próximo evento em
133 dias
24 jun
Próximo evento em
147 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
154 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
168 dias
29 jul
Próximo evento em
182 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
210 dias
02 set
Próximo evento em
217 dias
09 set
Próximo evento em
224 dias
23 set
Próximo evento em
238 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
245 dias
07 out
Próximo evento em
252 dias
21 out
Próximo evento em
266 dias
28 out
Próximo evento em
273 dias
05 nov
Próximo evento em
281 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
294 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
309 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
318 dias

Hamilton critica pneus da Pirelli para 2019 na Fórmula1

compartilhar
comentários
Hamilton critica pneus da Pirelli para 2019 na Fórmula1
Por:

Pentacampeão da categoria até postou no Instagram um vídeo de seu cachorro tentando morder os compostos

Pentacampeão mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton ainda não se sentiu confortável com os pneus da Pirelli para esta temporada da categoria.

Leia também:

Após o fim dos testes em Barcelona, o britânico da Mercedes disse que o novo sistema de identificação da fábrica italiana é confuso.

Hamilton até postou uma foto de seu cachorro tentando morder um pneu para dizer que o composto parecia muito duro.

 

“Eles são um pouco duros. O que você quer saber? Se os pneus são bons? Eu não tenho muitas coisas boas para dizer sobre isso, então é melhor eu não dizer nada. Conforme formos avançando no ano, será um desafio”, disse Hamilton.

Neste ano, a Pirelli mudou o sistema de identificação dos compostos, abandonando a nomenclatura de macio, ultramacio, supermacio, para C1 (mais duro), C2, C3, C4 e C5 (mais mole).

A cada fim de semana, três desses serão escolhidos para as corridas e serão chamados de macio, médio e duro.

“E nós temos todos esses nomes diferentes dos pneus. C5, C4, C3, C2 e C1. O que, para mim, é ainda mais confuse do que as outras cores que tínhamos.

Chefe da Pirelli, Mario Isola disse que levaria em consideração o feedback de Hamilton.

Kubica diz faltar confiança em seu retorno à Fórmula 1

Artigo anterior

Kubica diz faltar confiança em seu retorno à Fórmula 1

Próximo artigo

Há 17 anos, GP da Austrália de F1 tinha início caótico

Há 17 anos, GP da Austrália de F1 tinha início caótico
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Autor Scott Mitchell