Fórmula 1
25 mar
Próximo evento em
61 dias
06 mai
Próximo evento em
103 dias
20 mai
Próximo evento em
117 dias
R
GP do Azerbaijão
03 jun
Próximo evento em
131 dias
10 jun
Próximo evento em
138 dias
24 jun
Próximo evento em
152 dias
R
GP da Áustria
01 jul
Próximo evento em
159 dias
R
GP da Grã-Bretanha
15 jul
Próximo evento em
173 dias
29 jul
Próximo evento em
187 dias
R
GP da Bélgica
26 ago
Próximo evento em
215 dias
02 set
Próximo evento em
222 dias
09 set
Próximo evento em
229 dias
23 set
Próximo evento em
243 dias
R
GP de Singapura
30 set
Próximo evento em
250 dias
07 out
Próximo evento em
257 dias
21 out
Próximo evento em
271 dias
28 out
Próximo evento em
278 dias
05 nov
Próximo evento em
286 dias
R
GP da Austrália
18 nov
Próximo evento em
299 dias
R
GP da Arábia Saudita
03 dez
Próximo evento em
314 dias
R
GP de Abu Dhabi
12 dez
Próximo evento em
323 dias

Pirelli rebate Vettel e Ferrari após reclamações por estouro em Spa

compartilhar
comentários
Pirelli rebate Vettel e Ferrari após reclamações por estouro em Spa
Por:

Tetracampeão mundial perdeu pódio depois de sofrer falha no pneu por tentar finalizar a corrida com apenas uma parada

Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T
Fãs da Ferrari empunham bandeiras nas arquibancadas em Spa-Francorchamps
Sebastian Vettel, Scuderia Ferrari
Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T
Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T
Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T

Após as reclamações de Vettel e Ferrari depois do GP da Bélgica deste último domingo (23), quando o alemão teve seu pneu furado a apenas duas voltas do final, perdendo a terceira colocação para Romain Grosjean, a Pirelli respondeu os ataques mantendo o tom.

Segundo comunicado, a fábrica italiana aconselhou que os times fizessem duas ou três paradas. Vettel tentou completar a prova fazendo apenas um pit stop na volta 14. Ou seja, o piloto faria com seu pneu médio um stint longo de 29 voltas. O composto não aguentou na 28ª. Nenhum outro piloto tentou a estratégia.

“O que aconteceu com o pneu da Ferrari de Vettel se deve pura e simplesmente ao desgaste. Aquele pneu chegou ao fim da vida”, disse a Pirelli em comunicado.

“E quando se chega aquele ponto, em qualquer pneu do mundo, haverão problemas. Vettel fez 28 voltas com aquele jogo de pneus, o que é mais do que imaginávamos que alguém pudesse fazer hoje. A nossa recomendação para as equipes era de duas, até três paradas e os pneus escolhidos para esta prova foram pensados neste sentido. A maioria das equipes obedeceu isso. A Ferrari claramente pensou que poderia fazer apenas um pit-stop.”

“Há muitos fatores envolvidos nas corridas. Algumas equipes escolheram outros caminhos. Nós realmente não sabíamos o que a Ferrari pretendia fazer.”

A fábrica ainda negou relação com o problema no pneu traseiro direito na Mercedes de Rosberg na sexta-feira. “Não houve qualquer semelhança com o que ocorreu com o pneu de Nico Rosberg. O problema com Rosberg foi um corte externo, e o que aconteceu com o Vettel deve-se ao desgaste do pneu.”

“Se olharem as fotos, a carcaça do pneu está intacta. Foi puro desgaste. Basicamente eles arriscaram, mas não deu certo.”

Ex-chefe de time na F1, Guy Ligier morre aos 85 anos de idade

Artigo anterior

Ex-chefe de time na F1, Guy Ligier morre aos 85 anos de idade

Próximo artigo

Em “quadro de medalhas” da F1, Senna tem vantagem sobre Hamilton

Em “quadro de medalhas” da F1, Senna tem vantagem sobre Hamilton
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Localização Spa-Francorchamps
Pilotos Sebastian Vettel
Equipes Ferrari
Autor Gabriel Lima