MotoGP
23 ago
-
25 ago
Evento encerrado
13 set
-
15 set
Evento encerrado
20 set
-
22 set
Evento encerrado
04 out
-
06 out
Evento encerrado
R
GP do Japão
18 out
-
20 out
Próximo evento em
2 dias
25 out
-
27 out
Próximo evento em
9 dias
R
GP da Malásia
01 nov
-
03 nov
Próximo evento em
16 dias
R
GP de Valência
15 nov
-
17 nov
Próximo evento em
30 dias

KTM: Pedrosa não irá competir em 2019 porque não quer correr riscos

compartilhar
comentários
KTM: Pedrosa não irá competir em 2019 porque não quer correr riscos
Por:
8 de jan de 2019 19:43

Chefe da montadora diz que não há planos para contar com o espanhol em finais de semana de corrida

Chefe da KTM, Pit Beirer negou que Dani Pedrosa irá ter entradas wildcard nesta temporada da MotoGP. O espanhol anunciou sua aposentadoria no meio da temporada de 2018, e no fim do ano foi anunciado como piloto de testes da KTM.

Em conversa com a Speedweek, Pit Beirer assegurou que "no momento não há planos para o mundial de MotoGP com Pedrosa, ele não tem intenção de correr".

"Eu não quero excluí-lo para toda a temporada de 2019, se em algum momento fizer sentido aprender algo da moto na corrida, ele pode voltar", disse o diretor da KTM.

Embora a maioria dos pilotos de testes de MotoGP tenham entre os seus objetivos poder participar de um GP como wildcard, isso não está nos planos de Pedrosa.

"Você nunca precisa convencer um piloto a correr. Mas Dani terminou sua carreira e terá suas razões, talvez ele não queira correr mais riscos", disse Beirer.

"Dani sabe exatamente o que ele precisa para estar à frente, mas para isso você precisa arriscar um pouco. Ele não quer mais fazer isso, então ele decidiu parar. Ele não quer correr para ficar atrás, nós entendemos completamente a sua posição."

Para a KTM, não é um revés que Pedrosa não queira competir.

"Não muda nossos planos, porque não assinamos com Dani como um piloto de corridas. Os resultados quem precisa dar são os outros quatro pilotos", referindo-se Pol Espargaró e Johann Zarco, que vão correr na equipe oficial, e Miguel Oliveira e Hafizh Syahrin, que estarão na Tech3.

Além dos quatro pilotos regulares, a KTM terá por mais um ano o finlandês Mika Kallio na equipe de testes, que também será "piloto da reserva" se qualquer um dos competidores estiver machucado.

Próximo artigo
Márquez inicia segundo ciclo da reabilitação para testar em fevereiro

Artigo anterior

Márquez inicia segundo ciclo da reabilitação para testar em fevereiro

Próximo artigo

Lorenzo sobre Petrucci: se ignorarmos meus 5 títulos, não há diferença entre nós

Lorenzo sobre Petrucci: se ignorarmos meus 5 títulos, não há diferença entre nós
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Dani Pedrosa Compre Agora
Autor Germán Garcia Casanova