Michelin leva pneus simétricos para a dianteira em Brno

MotoGP dá início à segunda metade da temporada na República Tcheca e fabricante francesa leva pneus simétricos para a dianteira e assimétricos para a traseira

Michelin leva pneus simétricos para a dianteira em Brno
Michelin motorhome
Maverick Viñales, Yamaha Factory Racing
Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing
Jorge Lorenzo, Ducati Team
Marc Marquez, Repsol Honda Team, wins
Bradley Smith, Red Bull KTM Factory Racing
Pol Espargaro, Red Bull KTM Factory Racing
Jack Miller, Estrella Galicia 0,0 Marc VDS
Jonas Folger, Monster Yamaha Tech 3
Carregar reprodutor de áudio

No próximo final de semana a MotoGP retoma as atividades com o GP da República Tcheca, décima etapa da temporada 2017.

A Michelin, fornecedora de pneus da categoria, anunciou que leva para a corrida compostos dianteiros simétricos e traseiros assimétricos - com o lado direito mais duro para se adaptar às exigências do circuito de Brno, com um desnível de 70 metros entre o ponto mais alto e o mais baixo da pista. 

Após sofrer algumas críticas por parte dos pilotos durante as nove primeiras etapas, a fabricante francesa garante ter analisado os dados da primeira metade da temporada e espera que a segunda metade transcorra com mais tranquilidade, começando pela prova no circuito tcheco.

“As zonas de descida vêm antes de freadas fortes, que colocam grande carga nos pneus dianteiros. As acelerações na sequência exigem compostos que aguentem praticamente tudo", explicou Piero Taramasso, responsável pelo departamento de competições de motos da Michelin.

Na prova de 2016, com pista molhada, Cal Crutchlow se beneficiou da escolha de compostos de chuva mais duros para conquistar a primeira vitória da carreira na MotoGP.

A primeira metade deste ano foi bastante movimentada, com cinco pilotos diferentes vencendo corridas - Maverick Viñales, Andrea Dovizioso, Valentino Rossi, Marc Márquez e Dani Pedrosa. O atual campeão lidera o campeonato, com Viñales em segundo, Dovizioso em terceiro e Rossi em quarto - separados por apenas dez pontos.

compartilhar
comentários
Barros não vê MotoGP em melhor momento: “difícil falar isso”
Artigo anterior

Barros não vê MotoGP em melhor momento: “difícil falar isso”

Próximo artigo

Fausto Macieira: achei que seria demitido quando Barros saiu

Fausto Macieira: achei que seria demitido quando Barros saiu
Carregar comentários