MotoGP: Bagnaia é o mais rápido no primeiro dia de atividades do GP da Holanda em Assen

No TL1, marcado por uma forte chuva, foi Miller quem terminou na ponta, mas tempos caíram quase 10s graças à melhora nas condições da pista para o TL2

MotoGP: Bagnaia é o mais rápido no primeiro dia de atividades do GP da Holanda em Assen
Carregar reprodutor de áudio

A MotoGP iniciou nesta sexta-feira as atividades para o GP da Holanda na "Catedral da Velocidade" em Assen, a última etapa antes da pausa de verão da categoria. Enquanto Jack Miller liderou o TL1 realizado sob muita chuva, foi a outra Ducati, de Francesco Bagnaia quem terminou com o melhor tempo do dia, em um TL2 de condições mistas.

Com a previsão do tempo em aberto para o fim de semana, o primeiro treino em Assen começou sob pista molhada. E apesar das condições adversas, a sessão foi bastante movimentada.

Leia também:

Joan Mir foi o pimeiro a registrar volta rápida, com 01min50s988, mas também foi o primeiro a mostrar o quão complicada estava a pista, escapando na curva 1, que se mostrou um ponto de incidentes no começo da sessão, com quedas de Bastianini e Bezzecchi, além de escapadas de Miller e Viñales.

No meio da sessão, as condições de pista pioravam. Neste momento, a liderança era de Miller, com 01min44s523. Vale lembrar que Assen foi o palco da primeira vitória do australiano na MotoGP, em 2016.

Apenas nos minutos finais em que as marcas foram caindo, graças a uma diminuição da chuva. Mas foi Miller quem terminou na ponta com 01min42s589, apenas 0s109 à frente de Mir, com Pol Espargaró fechando o top 3. Entre os principais candidatos ao título, Aleix Espargaró foi o quinto enquanto Fabio Quartararo foi apenas o 17º.

Confira o resultado final do TL1 para o GP da Holanda de MotoGP:

Cla Piloto Moto Tempo Diferença
1 Australia Jack Miller Ducati 1'42.589  
2 Spain Joan Mir Suzuki 1'42.698 0.109
3 Spain Pol Espargaro Honda 1'42.891 0.302
4 Spain Alex Marquez Honda 1'42.959 0.370
5 Spain Aleix Espargaro Aprilia 1'43.030 0.441
6 Portugal Miguel Oliveira KTM 1'43.091 0.502
7 Spain Alex Rins Suzuki 1'43.116 0.527
8 France Johann Zarco Ducati 1'43.150 0.561
9 Spain Jorge Martin Ducati 1'43.189 0.600
10 Spain Maverick Viñales Aprilia 1'43.417 0.828
11 Italy Francesco Bagnaia Ducati 1'43.424 0.835
12 Italy Fabio Di Giannantonio Ducati 1'43.481 0.892
13 South Africa Brad Binder KTM 1'43.514 0.925
14 Italy Marco Bezzecchi Ducati 1'43.542 0.953
15 Italy Franco Morbidelli Yamaha 1'43.724 1.135
16 Japan Takaaki Nakagami Honda 1'43.818 1.229
17 France Fabio Quartararo Yamaha 1'44.248 1.659
18 Germany Stefan Bradl Honda 1'44.265 1.676
19 Spain Raul Fernandez KTM 1'44.285 1.696
20 South Africa Darryn Binder Yamaha 1'44.602 2.013
21 Italy Andrea Dovizioso Yamaha 1'44.825 2.236
22 Italy Lorenzo Savadori Aprilia 1'44.968 2.379
23 Australia Remy Gardner KTM 1'45.282 2.693
24 Italy Luca Marini Ducati 1'45.392 2.803
25 Italy Enea Bastianini Ducati 1'46.446 3.857

A chuva forte que caiu no TL1 desapareceu no início da segunda sessão, com a pista começando a exibir alguns trechos secos. Foram necessários apenas 10 minutos para a marca de Miller no TL1 ser batida, com Aleix marcando 01min42s457.

Aproximadamente no meio da sessão, os pilotos começaram a trocar os pneus de chuva pelos slicks e, com isso, os tempos caíram drasticamente. No final, foi Bagnaia quem terminou com a melhor marca do dia: 01min33s247. Espargaró colocou a Aprilia em segundo, ficando a 0s178, enquanto Quartararo completou o top 3, com 01min33s579.

Rins foi o quarto, com Miller, Mir, Viñales, Binder, Zarco e Bezzecchi completando o top 10 de pilotos que passariam automaticamente ao Q2 da classificação neste momento.

A MotoGP retorna à pista de Assen no sábado para o terceiro treino livre. A sessão está marcada para 04h55, horário de Brasília, antes do TL4 e a classificação, que define o grid de largada para o GP da Holanda, às 08h30 e 09h10, respectivamente.

Confira o resultado final do TL2 para o GP da Holanda de MotoGP:

Cla Piloto Moto Tempo Diferença
1 Italy Francesco Bagnaia Ducati 1'33.274  
2 Spain Aleix Espargaro Aprilia 1'33.452 0.178
3 France Fabio Quartararo Yamaha 1'33.579 0.305
4 Spain Alex Rins Suzuki 1'33.611 0.337
5 Australia Jack Miller Ducati 1'33.833 0.559
6 Spain Joan Mir Suzuki 1'33.899 0.625
7 Spain Maverick Viñales Aprilia 1'33.938 0.664
8 South Africa Brad Binder KTM 1'34.127 0.853
9 France Johann Zarco Ducati 1'34.286 1.012
10 Italy Marco Bezzecchi Ducati 1'34.312 1.038
11 Italy Enea Bastianini Ducati 1'34.316 1.042
12 Japan Takaaki Nakagami Honda 1'34.504 1.230
13 Italy Luca Marini Ducati 1'34.536 1.262
14 Spain Alex Marquez Honda 1'34.599 1.325
15 Italy Andrea Dovizioso Yamaha 1'34.650 1.376
16 Portugal Miguel Oliveira KTM 1'34.676 1.402
17 Spain Jorge Martin Ducati 1'34.823 1.549
18 Italy Franco Morbidelli Yamaha 1'34.828 1.554
19 Spain Pol Espargaro Honda 1'34.834 1.560
20 Italy Fabio Di Giannantonio Ducati 1'34.902 1.628
21 Italy Lorenzo Savadori Aprilia 1'35.081 1.807
22 Australia Remy Gardner KTM 1'35.222 1.948
23 South Africa Darryn Binder Yamaha 1'35.571 2.297
24 Germany Stefan Bradl Honda 1'35.951 2.677
25 Spain Raul Fernandez KTM 1'36.226 2.952

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações para ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #183 - O que Alonso poderia fazer hoje em carro de ponta da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
MotoGP: Mir tem "muitos problemas na Suzuki" para olhar para crise da Honda
Artigo anterior

MotoGP: Mir tem "muitos problemas na Suzuki" para olhar para crise da Honda

Próximo artigo

MotoGP: Rins deve fechar acordo com Honda para correr na LCR em 2023, substituindo Álex Márquez

MotoGP: Rins deve fechar acordo com Honda para correr na LCR em 2023, substituindo Álex Márquez