MotoGP
R
GP da Áustria
13 ago
Próximo evento em
3 dias
R
GP da Grã-Bretanha
27 ago
Canceled
R
GP de San Marino
10 set
Próximo evento em
31 dias
15 out
Próximo evento em
66 dias
R
GP de Aragón
16 out
Próximo evento em
67 dias
R
GP da Austrália
23 out
Canceled
R
GP da Malásia
29 out
Canceled
R
GP de Valência
13 nov
Próximo evento em
95 dias

MotoGP: conheça o truque de pneu que ajudou a Yamaha a dominar em Jerez

compartilhar
comentários
MotoGP: conheça o truque de pneu que ajudou a Yamaha a dominar em Jerez
Por:
28 de jul de 2020 17:12

Fornecedora de pneus da categoria enviou um e-mail com recomendações para todas as equipes durante a etapa disputada em Jerez, na Espanha

A dominância da Yamaha no GP da Andaluzia de MotoGP, foi beneficiada por uma técnica de preparação de pneus que a Michelin aconselhou todas as equipes a realizar. Na prova, Fabio Quartararo não foi desafiado por nenhum rival e a montadora japonesa terminou fazendo uma limpa no pódio, com Maverick Viñales e Valentino Rossi fechando o Top 3.

O Motorsport.com apurou que a fornecedora dos compostos da categoria mandou um e-mail para todos os times durante a segunda etapa, recomendando que utilizassem o pneu traseiro macio da prova logo na sessão de aquecimento de domingo. A técnica consiste em três voltas: uma volta de saída lenta, uma volta rápida e uma volta rápida de volta aos boxes.

Leia também:

A ideia por trás disso é que a esfoliação remove o filme do pneu e, depois que é deixado para esfriar, antes de ser colocado novamente nos cobertores, uma reação química ocorre na borracha.

Isso torna o pneu mais resistente ao calor, com sua faixa de trabalho 10 graus mais fria que o normal, o que aumenta a durabilidade da borracha.

Um porta-voz da Michelin explicou: “De tempos em tempos, fazemos recomendações para as equipes que acreditamos que podem ajudá-las, mas a escolha de segui-las é sempre delas”.

“Você faz as três voltas. Depois você deixa os pneus descobertos com os aquecedores para esfria-los. Uma vez que estiverem frios, você os cobre novamente até o início da prova”.

“O procedimento faz o composto ficar mais resistente ao calor e pode reduzir a temperatura em até 10 graus”.

Apenas os quatro pilotos da Yamaha e Alex Rins, da Suzuki, completaram o aquecimento com o pneu macio que eles usariam mais tarde nas corridas, mesmo que todo o campo tenha optado pelo composto traseiro macio.

Com a temperatura da pista chegando aos 60°C na corrida, Quartararo, vencedor da prova, foi capaz de se beneficiar instantaneamente ao abrir uma liderança confortável nas voltas iniciais.

“Normalmente sempre começamos com um pneu completamente novo no grid de largada”, disse Quartararo após a corrida. “Mas desta vez decidimos dar três voltas com o pneu no aquecimento na manhã e então sair para a corrida com o pneu já usado”.

“Fez efeito e eu gostaria de parabenizar a equipe”.

Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT

Fabio Quartararo, Petronas Yamaha SRT

Photo by: MotoGP

VÍDEO: Reginaldo Leme comenta provas favoritas da F1 e detona Mônaco

PODCAST: O debate de fãs e 'haters' sobre domínio de Hamilton

 

Mesmo com volta ao pódio, Rossi revela “problemas políticos” na Yamaha

Artigo anterior

Mesmo com volta ao pódio, Rossi revela “problemas políticos” na Yamaha

Próximo artigo

MotoGP: Chefe da Petronas elogia Rossi após pódio e afirma que não há mais preocupações sobre ter italiano na equipe

MotoGP: Chefe da Petronas elogia Rossi após pódio e afirma que não há mais preocupações sobre ter italiano na equipe
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Evento GP da Andaluzia
Pilotos Fabio Quartararo
Equipes Drive M7 SIC Racing Team
Autor Germán Garcia Casanova