MotoGP: Márquez explica como ajudou um Morbidelli "completamente inconsciente" após acidente

Os irmãos Marc e Alex Márquez ajudaram Franco Morbidelli, que estava machucado, durante o último teste privado em Portimão

Alex Marquez, Gresini Racing, Marc Marquez, Gresini Racing

Alex Marquez, Gresini Racing, Marc Marquez, Gresini Racing

Gresini Racing

Antes do primeiro teste oficial de pré-temporada da MotoGP 2024 em Sepang, de 6 a 8 de fevereiro, os pilotos da Gresini Racing Marc Márquez e Alex Márquez viajaram para Jacarta na sexta-feira, onde a equipe italiana organizou eventos promocionais com o Ministério do Turismo do país do Sudeste Asiático.

Leia também:

Durante a manhã do último sábado, horário local, os dois pilotos espanhóis deram uma entrevista coletiva em meio a uma reunião de centenas de fãs locais e foram questionados sobre o que aconteceu em Portimão na terça-feira, quando Marc e Alex resgataram o ferido Franco Morbidelli depois que o italiano caiu durante um teste privado da SBK envolvendo vários pilotos da MotoGP.

Morbidelli caiu e sofreu uma forte pancada na cabeça e foi evacuado do circuito, passando por duas tomografias e dois dias em observação no Algarve antes de ser autorizado a voltar para a Itália, onde está se recuperando e aguardando a liberação total antes de viajar para Sepang para o teste da próxima semana.

Inicialmente, foi relatado que os irmãos Márquez tinham vindo em auxílio de Morbidelli, e o próprio piloto romano agradeceu a eles pela ajuda nas mídias sociais. Neste sábado, quando Marc foi questionado sobre o que aconteceu, o piloto de Cervera deu mais detalhes.

"Alex e eu ajudamos Franco. No fim das contas, somos rivais, mas ao mesmo tempo somos colegas", disse Marc.

 

"Estávamos testando em Portimão e, naquele momento, estávamos na pista pilotando. Vimos uma bandeira vermelha e fomos os primeiros a passar por aquele ponto, entre as curvas 8 e 9", continuou o piloto espanhol.

"Vimos que Franco estava completamente inconsciente na área de escape. Ele estava em uma posição estranha, com a cabeça para cima. Alex e eu paramos imediatamente, colocamos as motos no chão e corremos até Franco para colocá-lo de lado, porque quando você está inconsciente e olhando para cima, é perigoso porque você não consegue respirar direito", acrescentou.

"Então, nós o colocamos de lado, abrimos o macacão e levantamos a viseira do capacete, e ficamos ali esperando a equipe médica. Quando eles chegaram, voltamos para o box."

Não faz muito tempo, durante o GP da Malásia, no início de novembro, Morbidelli e Márquez se desentenderam porque o então piloto da Honda tentou seguir o então piloto da Yamaha na pista, com o italiano fazendo alguns gestos deselegantes.

"Somos rivais, mas ao mesmo tempo parceiros, e sempre queremos o melhor para todos", disse o piloto 93.

As CONSEQUÊNCIAS do 'fico' de Norris: RED BULL vai atrás de QUEM agora que Lando ficará na McLaren?

Podcast #267 - Par ou ímpar: Renovados, quem você escolheria entre Norris e Leclerc?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior MotoGP: Após cortes de subsídios de Milei, GP da Argentina é cancelado
Próximo artigo MotoGP: Yamaha revela pintura de 2024 antes de teste em Sepang

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil