Alonso dentro, Vettel fora: quem pode participar do teste para 'jovens' pilotos da F1?

Confira os nomes que estão elegíveis para correr nos testes de jovens pilotos da Fórmula 1 na pós-temporada da categoria

Alonso dentro, Vettel fora: quem pode participar do teste para 'jovens' pilotos da F1?

O teste de pós-temporada de jovens pilotos da Fórmula 1 se tornou uma grande controvérsia depois que a FIA descartou a adição de quaisquer exceções adicionais quanto a quem poderia participar.

O sucesso da Renault em persuadir a FIA a permitir que o veterano Fernando Alonso corresse antes de seu retorno à F1 em 2021 levou as equipes rivais a solicitarem a aprovação de novos pilotos.

Leia também:

Embora o teste tivesse sido originalmente destinado apenas para aqueles que não haviam participado de mais de dois GP, a FIA aceitou que deveria permitir aqueles não tivessem competido na categoria em 2020.

Enquanto isso foi uma boa notícia para a Renault, a mudança irritou vários de seus rivais, que sentiam que Alonso estaria obtendo uma vantagem injusta sobre pilotos como Carlos Sainz, Daniel Ricciardo e Sebastian Vettel, que estavam se mudando para novas equipes na próxima temporada.

Ferrari e Racing Point, em particular, estavam ansiosas para fazer seus novos pilotos correrem mais cedo, mas, conforme revelado pelo Motorsport.com, o diretor de corrida da F1, Michael Masi, informou todas as equipes na terça-feira que apenas aqueles que não haviam competido em 2020 estariam elegíveis .

Essa decisão não caiu bem com todos e deixou a F1 em uma situação longe da ideal, onde um número de pilotos muito experientes ou mais velhos podem agora participar de um teste que foi especialmente organizado para ajudar jovens talentos.

Aqui está um resumo de algumas das surpresas em termos de pilotos que podem e não podem participar do teste.

Fernando Alonso, Renault

Fernando Alonso, Renault

Photo by: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Podem participar

Fernando Alonso (39 anos, 311 largadas na F1)

Alonso está retornando à F1 com a Renault na próxima temporada. E embora o bicampeão mundial esteja bem acima do limite original de duas corridas para testar, o fato de ele não ter competido em 2020 significa que ele é elegível.

Robert Kubica (36 anos, 97 largadas na F1)

Como piloto de testes e reserva da Alfa Romeo, Robert Kubica apareceu em quatro sessões de treinos livres para a equipe nesta temporada. Porém, não tendo corrido desde que deixou a Williams no final de 2019, ele pode entrar no teste e foi confirmado pela equipe nesta quarta (09).

Sebastien Buemi (32 anos, 55 largadas na F1)

Embora Buemi não corra na F1 desde 2011, ele manteve laços estreitos com a Red Bull como piloto de desenvolvimento e de simulador. Por não ter competido na última temporada, ele recebeu luz verde para testar por causa da isenção de 2020.

Jack Aitken (25 anos, 1 largada na F1)

Aitken estava sempre pronto para fazer o teste de jovens pilotos com a Williams, como parte de seu papel contínuo com a equipe. E embora ele já tenha competido na F1 nesta temporada, depois de substituir George Russell no GP de Sakhir, ele não terá competido em mais de duas provas este ano - então está tudo certo para testar.

Stoffel Vandoorne (28 anos, 41 largadas na F1)

Embora não se acredite que ele esteja pronto para uma corrida, o piloto reserva da Mercedes, Stoffel Vandoorne, pode ser convocado pela montadora alemã porque não foi chamado para correr nesta temporada. Se ele tivesse substituído George Russell no GP de Sakhir, teria sido imediatamente descartado.

Carlos Sainz Jr., McLaren, is interviewed for Sky Sports after Qualifying

Carlos Sainz Jr., McLaren, is interviewed for Sky Sports after Qualifying

Photo by: Glenn Dunbar / Motorsport Images

Não podem participar

Carlos Sainz (26 anos, 117 largadas na F1)

Embora Carlos Sainz tenha competido em apenas uma fração das provas que o compatriota Fernando Alonso fez, o fato de ele ter corrido na F1 este ano pela McLaren significa que ele não cumpre os critérios da FIA. A Ferrari agora deve esperar para rodá-lo em um de seus carros.

Sebastian Vettel (33 anos, 256 largadas na F1)

A Racing Point gostaria de dar a Sebastian Vettel uma corrida em seu carro em Abu Dhabi, antes de sua chegada à equipe de Silverstone em 2021. No entanto, ele não pode fazer isso porque correu nesta temporada.

Daniel Ricciardo (31 anos, 197 largadas na F1)

A mudança de Daniel Ricciardo para a McLaren significa que um teste de pós-temporada teria sido ideal para uma saída precoce. No entanto, em meio aos planos originais para a corrida ser estritamente para jovens pilotos, sua nova equipe abandonou os planos de correr há várias semanas, então a ideia nunca foi considerada.

George Russell (22 anos, 37 largadas na F1)

O teste pós-temporada muitas vezes ofereceu a oportunidade para grandes equipes experimentarem talentos mais jovens - com George Russell sendo um alvo óbvio para a Mercedes se eles fossem irrestritos. No entanto, apesar de ter apenas 22 anos, o fato de ele ter corrido nesta temporada significa que ele não pode participar do teste.

Com isso, a Mercedes pode abrir caminho para chamar Nikita Mazepin para ocupar a vaga ou uma das vagas da equipe na sessão. O russo tem um programa de testes com a Mercedes desde o ano passado.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Russell manda recado para Mercedes e Bottas: quer vaga antes de 2022

PODCAST: 'Show' de Russell pode gerar problema para Mercedes?

 

compartilhar
comentários
Red Bull, AlphaTauri e Alfa Romeo confirmam pilotos para teste de pós-temporada em Abu Dhabi
Artigo anterior

Red Bull, AlphaTauri e Alfa Romeo confirmam pilotos para teste de pós-temporada em Abu Dhabi

Próximo artigo

F1: Grosjean diz que continuará tratamento com psicóloga após acidente no Bahrein

F1: Grosjean diz que continuará tratamento com psicóloga após acidente no Bahrein
Carregar comentários