Análise técnica de Giorgio Piola
Assunto

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise técnica: quem irá copiar na F1 a solução de difusor da McLaren?

Equipe britânica interpretou melhor do que ninguém as novas regras da FIA

Análise técnica: quem irá copiar na F1 a solução de difusor da McLaren?

A McLaren tem chamado atenção por ter trazido uma inteligente solução de difusor nos testes de pré temporada no Bahrein. Mas, afinal, o conceito da escuderia será replicado no fim de semana em outros carros da Fórmula 1?

A equipe de Woking interpretou melhor do que ninguém as novas regras da FIA que reduzem a altura das anteparas verticais sob o difusor em 50 mm do plano de referência.

McLaren MCL35M, dettaglio del diffusore

McLaren MCL35M, dettaglio del diffusore

Photo by: Giorgio Piola

A decisão faz parte do pacote de normas que foi lançado para reduzir o downforce em 10%, na tentativa de preservar os pneus Pirelli que, de outra forma, teriam sido submetidos a cargas cada vez maiores.

Na realidade, depois dos trabalhos no inverno europeu, as equipes de F1 parecem já ter recuperado boa parte do downforce perdido e o fabricante milanês tem fortalecido as carcaças dos pneus, temendo que a intervenção da FIA não tenha sido suficiente.

McLaren MCL35M, dettaglio del diffusore con le paratie nella parte centrale

McLaren MCL35M, dettaglio del diffusore con le paratie nella parte centrale

Photo by: Giorgio Piola

A Mercedes e Aston Martin trabalharam principalmente na parte inferior do monoposto, enquanto a McLaren além de atuar no assoalho do pavimento de carbono foi apreciada por ter introduzido duas anteparas verticais na parte central do extrator traseiro que são 50 mm mais altas, que compreende entre 250 mm de cada lado em relação à linha central do carro, onde há total liberdade de ação.

Peter Prodromou, chefe de aerodinâmica de Woking, colocou dois desvios de fluxo ligeiramente arqueados bem nas bordas da zona livre, contando com anteparas verticais mais altas, úteis para gerar mais carga em uma área muito sensível do carro.

Não há dúvida de que a solução se ajusta perfeitamente ao regulamento. A pergunta que é legítima a se fazer é: quantas equipes serão capazes de seguir a McLaren e quantas terão feito um teste no túnel de vento para validar o conceito antes de fabricar uma peça que não é estrutural e pode, portanto, ser produzida em prototipagem rápida antes de ser colada no extrator? Amanhã saberemos. 

Parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

F1 AO VIVO: Verstappen mostra força e domina treinos; McLaren e Mercedes na sequência | SEXTA-LIVRE

PODCAST – Temporada 2021 marca nova era na cobertura do esporte a motor na TV?

 

compartilhar
comentários
Brown diz que F1 tem que aceitar "licença artística" da Netflix

Artigo anterior

Brown diz que F1 tem que aceitar "licença artística" da Netflix

Próximo artigo

F1: Como a Aston Martin tenta corrigir assoalho para GP do Bahrein

F1: Como a Aston Martin tenta corrigir assoalho para GP do Bahrein
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pilotos Daniel Ricciardo , Lando Norris
Equipes McLaren
Autor Franco Nugnes