Comissão da F1 discute mudanças importantes para o futuro da categoria nesta quinta

Congelamento do motor, calendário final de 2021 e experimento de corrida sprint serão temas da reunião

Comissão da F1 discute mudanças importantes para o futuro da categoria nesta quinta

A Comissão da Fórmula 1 se reúne hoje para discutir sobre o congelamento do motor, calendário final de 2021 e um experimento de corrida sprint em uma conversa entre as equipes e os chefes da categoria.

A reunião, que contará com a presença da direção da F1, equipes e da FIA, está marcada para votar uma série de mudanças que podem ter enormes ramificações para o esporte nos próximos anos.

Leia também:

De acordo com o que o Motorsport.com revelou ontem, a F1 deve dizer às equipes que deu a aprovação para o GP de Portugal acontecer em 2 de maio.

A alteração, enquanto finaliza estágios iniciais da temporada, exigirá algum empenho extra das equipes por causa das restrições de quarentena no Reino Unido.

Portugal está atualmente na 'lista vermelha' para a Inglaterra no que diz respeito aos países que precisam completar uma quarentena de 10 dias na sua chegada.

Como os esportes de elite não obtiveram isenção, isso significa que o pessoal da F1 está incluído em tal requisito, de modo que qualquer funcionário que participe do GP de Portugal não poderá voltar para casa antes do evento seguinte, na Espanha.

Uma das decisões mais interessantes que serão tomadas será a aprovação ou não de uma proposta da categoria para um teste de corridas sprint em três GPs neste ano.

A F1 quer disputar neste ano uma corrida de 100 km de classificação no sábado nos GPs do Canadá, Itália e Brasil para ver se a mudança de formato pode melhorar a experiência do fim de semana.

Enquanto um esforço anterior para testar corridas reversas do grid não obteve apoio unânime, uma vez que a Mercedes era totalmente contra a ideia, pode haver mais apoio para um formato de corrida de velocidade.

Além disso, uma nova estrutura de governança, que foi introduzida para 2021 como parte do novo Pacto de Concórdia significa que o apoio absoluto não é mais necessário. Agora, uma "supermaioria" de 28 votos dos 30 disponíveis (F1, a FIA e as equipes têm 10 cada) será suficiente para que ela seja aprovada.

As discussões mais complicadas da reunião, porém, podem girar em torno da possibilidade de um congelamento do motor a partir de 2022.

A proposta foi empurrada duramente pela Red Bull, que quer um congelamento para que possa assumir o projeto do motor Honda a partir do próximo ano, sem a necessidade de um orçamento de desenvolvimento caro.

Mas a mudança não é apenas sobre a Red Bull, porque fica claro que se um congelamento ocorrer a partir de 2022 na F1, isso significará que os fabricantes podem concentrar seus esforços e orçamentos exclusivamente em um motor futuro que deve entrar em jogo em 2025.

A situação é bastante complicada, porém, porque um impulso para usar cada vez mais combustíveis sustentáveis ​​significa que pode haver a necessidade de alguns desenvolvimentos do motor no curto prazo.

Além disso, existem algumas preocupações de que, se um fabricante de motores se encontrar em desvantagem no início de 2022, a falta de qualquer desenvolvimento poderia deixá-lo enfrentando vários anos de luta.

Uma ideia que está sendo analisada, mas ainda não está acordada, é que alguma forma de estrutura de equilíbrio entre em ação - o que permitirá que todas as unidades de potência entreguem aproximadamente a mesma quantidade de desempenho.

Isso poderia ser alcançado permitindo um maior fluxo de combustível para qualquer motor que esteja com a potência reduzida no início de 2022.

Mas tal estratégia de 'Equilíbrio de Desempenho' para F1 não teve até agora a aprovação de todas as equipes.

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

BAND terá F1 com transmissão MAIOR e divisão entre TV ABERTA e FECHADA; entenda como será COBERTURA

PODCAST #088 - F1 na Band e o 'fico' de Hamilton: o que esperar de 2021?

 

 

compartilhar
comentários
Brown espera ver rotação do calendário nas futuras temporadas da F1

Artigo anterior

Brown espera ver rotação do calendário nas futuras temporadas da F1

Próximo artigo

Vettel teme temporada desgastante em 2021 com recorde de GPs: "Precisamos cuidar de todos"

Vettel teme temporada desgastante em 2021 com recorde de GPs: "Precisamos cuidar de todos"
Carregar comentários