Ex-Mercedes, Wehrlein será piloto de desenvolvimento da Ferrari

compartilhar
comentários
Ex-Mercedes, Wehrlein será piloto de desenvolvimento da Ferrari
Por:
Co-autor: Scott Mitchell
8 de jan de 2019 12:40

Alemão irá administrar temporada da Fórmula E pela Mahindra com obrigações pela Ferrari na Fórmula 1

O ex-protegido da Mercedes, Pascal Wehrlein, trabalhará com a equipe de Fórmula 1 da Ferrari nesta temporada em um papel de desenvolvimento. Wehrlein, que passou dois anos na Fórmula 1 em 2016 e 2017 com a Manor e a Sauber, se separou de sua apoiadora de longa data, a Mercedes, no final do ano passado.

Ele fará sua estreia na Fórmula E neste fim de semana com o time da Mahindra e combinará seus compromissos de corrida no campeonato de monopostos elétricos com o trabalho no simulador da Ferrari.

A posição de Wehrlein não foi confirmada pela Ferrari, mas a equipe precisa de novos pilotos de desenvolvimento para esta temporada. O programa de simuladores da Ferrari se baseou fortemente em Antonio Giovinazzi e Daniil Kvyat em 2018, mas ambos pilotos conseguiram lugares na F1 em tempo integral nesta temporada com a Sauber e a Toro Rosso, respectivamente.

Wehrlein estava sob contrato na Mercedes até 31 de dezembro do ano passado, razão pela qual ele não participou da abertura da F-E em Ad Diriyah com a Mahindra. Entende-se que Wehrlein tenha ido pela primeira vez à fábrica da Ferrari nesta segunda.

Um segundo piloto de desenvolvimento está sendo considerado. A Ferrari fez bom uso de sua equipe de desenvolvimento em 2018, recuperando-se das difíceis sextas-feiras para ter um melhor desempenho em qualificações e corridas em várias ocasiões.

O exemplo mais notável foi o GP do Canadá, onde Sebastian Vettel não foi competitivo no treino de sexta-feira, mas se classificou na pole e venceu a corrida no domingo.

Questionado pelo Motorsport.com no GP de Abu Dhabi, que encerrou a temporada de 2018, quão importante seria o substituto certo para Giovinazzi e Kvyat, Vettel disse: "é muito importante”.

"Com base em nossas descobertas depois do treino, nós mudamos o carro para a qualificação, e melhoramos tudo. Não aconteceu uma vez, então estamos extremamente agradecidos pelos caras, aproveitando o tempo.”

"Não é o trabalho mais legal na sexta à noite, especialmente quando você é jovem, mas é importante, e tudo isso se soma. Acho que vamos encontrar pessoas que se encaixam muito bem e muito rapidamente, então estou confiante de que teremos uma equipe forte nessa frente também em 2019."

Next article
Norris: McLaren mudou abordagem para desenvolvimento do carro

Previous article

Norris: McLaren mudou abordagem para desenvolvimento do carro

Next article

Sauber: boa forma de Ericsson ajudou Leclerc a se destacar

Sauber: boa forma de Ericsson ajudou Leclerc a se destacar
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Pascal Wehrlein
Equipes Ferrari Shop Now
Autor Roberto Chinchero
Be first to get
breaking news