F1: Alpine crê que novidades de Ímola podem ir bem em outros GPs

Diretor de corrida da equipe sente ter dado um passo à frente com atualizações, mas tem esperança de que desempenho seja melhor em outros circuitos

F1: Alpine crê que novidades de Ímola podem ir bem em outros GPs

As atualizações trazidas pela Alpine para seu novo carro de Fórmula 1 em Ímola podem oferecer um passo maior no desempenho em outras pistas, de acordo com o diretor de corrida Davide Brivio.

Ao estrear uma série de atualizações do A521 no GP da Emilia Romagna, a Alpine parecia se recuperar de uma decepcionante corrida de abertura da temporada, no Bahrein.

Leia também:

A equipe mais uma vez lutou para acompanhar os líderes do meio do pelotão - McLaren e Ferrari -  em Ímola, com Esteban Ocon e Fernando Alonso terminando apenas em nono e 15º lugar, respectivamente.

Brivio disse que a Alpine sente ter dado um passo à frente com as atualizações que trouxe para a Itália, mas tem esperança de que seja ainda mais fortes em outros circuitos.

“Encontramos algumas melhorias, sim, [e estão] funcionando bem”, disse Brivio.

“Pode haver a possibilidade de que talvez essas melhorias e atualizações sejam mais úteis também em outras pistas."

“Mas sim, estamos muito felizes e acho que fizemos uma melhoria. Chegamos mais perto [dos carros à frente], eu acho.”

Embora não revele quanto tempo foi ganho com as novas peças, o dirigente italiano disse que havia uma diferença mensurável em relação ao Bahrein.

“Não quero dizer, [mas] é claro que temos um número”, disse Brivio.

“Mas acho que não quero dizer nenhum número, para não criar muita expectativa ou nenhuma decepção. Vamos ver."

“Mas é claro que temos um número. Temos alguma sensação de melhora. Sentimos que está melhor e é por isso que continuamos. ”

Alonso sentiu, ao guiar o carro, que as peças atualizadas ajudaram a oferecer à Alpine maior downforce e um melhor equilíbrio.

“Acho que melhoramos o carro de Bahrein a Imola, todas as novas peças foram positivas nos treinos livres”, disse Alonso.

“As coisas que testamos nos mostraram que houve uma melhora em termos de carga aerodinâmica no carro e mais downforce."

“O equilíbrio acho que também é melhor do que no Bahrein, com mais aderência traseira. Portanto, no geral, acho que demos um passo à frente na direção certa", concluiu. 

SAIBA como Letícia DATENA se libertou da 'SOMBRA' do pai e ganhou vida própria no AUTOMOBILISMO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Por que temporada de 2021 promete ser a mais equilibrada dos últimos anos?

 

compartilhar
comentários
F1: Bottas terá novo chassi em Portugal após acidente em Ímola

Artigo anterior

F1: Bottas terá novo chassi em Portugal após acidente em Ímola

Próximo artigo

F1: Ocon pede que Alpine o escute "tanto quanto ao Alonso"

F1: Ocon pede que Alpine o escute "tanto quanto ao Alonso"
Carregar comentários