F1: Chefe da Aston Martin deve trocar equipe pela Alpine; saiba mais

Ida do dirigente para a equipe francesa pode promover grande reestruturação no time de propriedade da Renault; saiba mais

F1: Chefe da Aston Martin deve trocar equipe pela Alpine; saiba mais
Carregar reprodutor de áudio

Chefe de equipe da Aston Martin na Fórmula 1, Otmar Szafnauer vai trocar a equipe britânica pela rival francesa Alpine, fontes revelaram ao Motorsport.com. A informação vem após o CEO da Alpine, Laurent Rossi, falar de uma mudança na administração do time para a próxima temporada.

De acordo com interlocutores bem informados sobre a situação, Szafnauer tem acordo para ir para a Alpine, mas ainda não há confirmação oficial. Assim, ainda é incerto quando um anúncio oficial será feito. De todo modo, pode ocorrer nos dias que cercam o GP de São Paulo, neste fim de semana.

O editor recomenda:

Entretanto, a confirmação da contratação do dirigente também pode acontecer mais adiante. Procuradas pela reportagem, tanto a Aston Martin quanto a Alpine negam as especulações. Ademais, rumores também dão conta de que o diretor esportivo da escuderia francesa, Davide Brivio -- ex-chefe da Yamaha na MotoGP --, estaria insatisfeito na equipe que conta com o espanhol Fernando Alonso e o francês Esteban Ocon como pilotos.

O fato é que um porta-voz da Aston Martin disse: "É uma conjuntura especulativa. Não comentaremos mais sobre isso". No caso do porta-voz da Alpine, as palavras foram as seguintes: "São rumores que não comentaremos."

Ao passo que ainda não há confirmação sobre o cargo que Szafnauer ocuparia, é possível afirmar que sua chegada pode iniciar uma reestruturação geral na equipe de propriedade da Renault. Há a possibilidade de Brivio voltar à MotoGP.

Davide Brivio, Racing Director, Alpine F1, and Esteban Ocon, Alpine F1

Davide Brivio, Racing Director, Alpine F1, and Esteban Ocon, Alpine F1

Photo by: Charles Coates / Motorsport Images

Caso Brivio deixe a equipe, Szafnauer pode ocupar o cargo, que é semelhante do de chefe de equipe. Assim, o diretor-executivo da Alpine, Marcin Budkowski, teria ainda mais responsabilidades nas áreas técnicas e de corrida. 

Tudo isso vem após o CEO Rossi sugerir recentemente que a Alpine precisa 'chacoalhar' as coisas para 2022 após sentir que o progresso em 2021 estagnou. "Fomos de nonos a quintos antes de chegarmos ao atual platô, mas, agora, precisamos ir além", disse o dirigente ao Motorsport.com.

No lado da Aston, caso Szafnauer parta, ainda é incerto neste momento quem o substituiria como chefe de equipe. De todo modo, a equipe de Silverstone recentemente contratou o ex-comandante da McLaren Martin Whitmarsh para um cargo sênior na Aston Martin Performance Technologies.

F1 2021: A F1 está de volta ao Brasil! Rico Penteado analisa prova em Interlagos | TELEMETRIA

Assine o canal do Motorsport.com no YouTube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like ('joinha') nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast #144:  GP no Brasil será o mais decisivo dos últimos 10 anos?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
F1: Hamilton trocará motor e sofrerá punição de cinco posições no grid do GP de São Paulo
Artigo anterior

F1: Hamilton trocará motor e sofrerá punição de cinco posições no grid do GP de São Paulo

Próximo artigo

F1: Hamilton diz que vitória no Brasil será difícil por Red Bull "ter o melhor carro"

F1: Hamilton diz que vitória no Brasil será difícil por Red Bull "ter o melhor carro"