F1: Hamilton diz que FIA segue mudando regras "para manter o espetáculo"

compartilhar
comentários
F1: Hamilton diz que FIA segue mudando regras "para manter o espetáculo"
Por:
, Editor

Para o piloto, resta à Mercedes manter a cabeça no lugar, seguir lutando e tentando melhorar

A punição de Lewis Hamilton no GP da Rússia de Fórmula 1 segue dando o que falar. Na prova, o hexacampeão recebeu duas punições de cinco segundos por fazer testes de largada em locais inapropriados. Após a prova, disse que os comissários estavam "tentando pará-lo", e agora acusou a FIA de seguir mudando as regras para criar uma emoção no espetáculo.

Hamilton foi punido por quebrar as regras determinadas nas notas pré-evento do diretor de prova Michael Masi, que determinou o local onde os pilotos poderiam fazer os treinos de largada. O piloto fez dois fora do espaço, e foi punido com cinco segundos por cada um, tirando sua chance de buscar a vitória em Sochi.

Leia também:

Ele eventualmente terminou em terceiro, enquanto seu companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, ficou com a vitória, a segunda na temporada. Posteriormente, os comissários revisaram a punição e retiraram os dois pontos na superlicença de Hamilton, trocando por uma multa à equipe.

Perguntado se ele se sentia alvo das decisões, Hamilton explicou que não era ele especificamente, mas quem estava dominando a F1 que estava suscetível a decisões visando freá-los.

"Não acho que seja algo necessariamente contra mim. Acho que, quando temos uma equipe na frente, obviamente eles passam por um escrutínio maior. Tudo que fazemos no carro é checado, uma, duas, três vezes. Eles estão mudando regras, como os modos de motores e outras coisas para manter o espetáculo, acredito".

"Não sei se essas regras tem alguma coisa a ver com o que aconteceu hoje, mas naturalmente fica essa impressão. Parece que estamos em uma batalha, mas tudo bem. Não é como se eu não tivesse enfrentado adversidades antes".

"Então temos que manter a cabeça no lugar, seguir lutando e tentando melhorar sempre".

A Mercedes está a caminho de vencer o sétimo Mundial de Construtores consecutivo nesta temporada, mas enfrentou diversas mudanças de regulamento ao longo desta era. Após capitalizar o uso dos motores V6 híbridos em 2014, a equipe enfrentou uma grande mudança aerodinâmica em 2017, e viu uma aproximação da Ferrari.

PÓDIO: Hamilton é punido e Bottas vence na Rússia, com Verstappen em segundo

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

F1: Red Bull explica mensagem a Verstappen sobre perda de seis décimos nas retas

Artigo anterior

F1: Red Bull explica mensagem a Verstappen sobre perda de seis décimos nas retas

Próximo artigo

F1: Diretor de prova rebate comentário de Hamilton de que comissários "estão tentando pará-lo"

F1: Diretor de prova rebate comentário de Hamilton de que comissários "estão tentando pará-lo"
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Autor Luke Smith