Fórmula 1 GP de São Paulo

F1: Ricciardo revela ter se abaixado no cockpit para não ser acertado pelo pneu voador de Albon

Australiano teve a asa traseira atingida por destroços do acidente entre o piloto da Williams, Nico Kulkenberg e Kevin Magnussen

Kevin Magnussen, Haas VF-23, crashes out at the start after contact with Alex Albon, Williams FW45

Daniel Ricciardo revelou que precisou se "abaixar" no cockpit para evitar que o pneu voador de Alex Albon o acertasse depois da enorme batida no S do Senna no GP de São Paulo de Fórmula 1.

Leia também:

A corrida de 71 voltas teve que ser interrompida com bandeira vermelha depois que Nico Hulkenberg e Albon se tocaram na curva 1, um incidente que fez com que a Williams atravessasse a pista e destruísse a Haas de Kevin Magnussen.

Na confusão, o pneu traseiro do anglo-tailandês se soltou e a carcaça de borracha foi lançada no caminho de Ricciardo. O pneu acabou atingindo a asa traseira do AT04. O Motorsport.com pediu ao australiano que relembrasse o que aconteceu e ele 'reviveu' o momento: "Obviamente, vi um grande acidente na minha frente e havia muitos destroços."

"Senti que estava conseguindo passar por eles e, então, vi um pneu no ar e ele começou a se aproximar. Então, lembro que abaixei a cabeça e não senti nada me atingir. Eu estava feliz, mas depois verifiquei os espelhos retrovisores e vi que a asa traseira estava praticamente desaparecida, então presumi que o pneu tivesse atingido a asa."

"Isso foi obviamente frustrante. Agora olho para trás e vejo que foi bom não ter batido em mim."

A AlphaTauri originalmente chamou Ricciardo, que largou em 17º, para a garagem para retirar o carro, mas a bandeira vermelha permitiu que a equipe consertasse a asa traseira durante a paralisação. 

A loose tyre from the crash at the start of the race

Foto de: Zak Mauger / Motorsport Images

Um pneu solto do acidente no início da corrida

Porém, como o carro foi para os boxes, com a intenção de abandonar, antes da bandeira vermelha, Ricciardo teve uma volta a menos contabilizada quando ele retornou à corrida pelo pitlane e não na relargada parada no grid.

Perguntado se ele se sentiu sortudo devido ao quase acidente, o australiano disse que qualquer alívio inicial foi logo superado pela frustração. Só mais tarde ele se sentiu "grato" por ter saído ileso.

O oito vezes vencedor de corridas trabalhou na parte de trás do pelotão com Oscar Piastri durante todo o tempo, chegando em 13º em uma prova com 6 abandonos.  Ricciardo continuou: "Foi engraçado, assim que percebi que não tinha me atingido, olhei para a asa e pensei: 'Droga!'"

"Então, meu alívio imediato se transformou em decepção, porque percebi que a corrida poderia ter acabado. Acho que quando você está no modo de corrida, você meio que nem pensa nisso."

"Mas agora, em retrospecto, obviamente estou agradecido por termos saído ilesos. Todas essas coisas sempre podem ser piores. Com certeza vou embora me sentindo um pouco grato por isso."

Reportagem adicional de Isa Fernandes

Verstappen tem EXIBIÇÃO DE GALA em SP; Alonso X Pérez em pega INSANO e Mercedes "MISERÁVEL"

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #254 – O que esperar do GP de São Paulo, em Interlagos?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1: Verstappen revela que quase saiu da pista ao ver briga entre Alonso e Pérez no telão
Próximo artigo F1: Hamilton faz 'previsão' nada animadora para Mercedes nos próximos anos

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil