F1: Verstappen cutuca Albon e espera que Pérez facilite luta contra Mercedes

Piloto da Red Bull diz que foi "honesto" sobre anglo-tailandês quando foi consultado pelos comandantes da equipe

F1: Verstappen cutuca Albon e espera que Pérez facilite luta contra Mercedes

Max Verstappen espera que a Red Bull seja capaz de lutar mais contra a Mercedes após a chegada de Sergio Pérez à equipe, dizendo que tem sido "difícil" fazer isso sozinho.

A Red Bull anunciou nesta sexta-feira que Pérez se juntará à equipe em 2021, substituindo Alexander Albon.

Leia também:

O mexicano chegará à Red Bull depois de sua temporada mais forte na F1, conseguindo sua primeira vitória e um quarto lugar na classificação.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, disse que a performance de Pérez neste ano foi "impossível" de se ignorar, e que as dificuldades que Albon enfrentou para acompanhar o ritmo de Verstappen e lutar contra a Mercedes contribuíram para a decisão.

Questionado pelo Motorsport.com se ele antecipava que a Red Bull seria mais competitiva com a entrada de Pérez, Verstappen sentiu que isso ajudaria na luta contra a Mercedes.

"Teremos um segundo carro capaz de estar lá em cima também durante toda a corrida e tentar colocar um pouco de pressão sobre a Mercedes", disse Verstappen.

“Por exemplo, como em Abu Dhabi, no final o Alex estava bem perto. Na maioria das vezes, a Mercedes tenta dar uma parada extra ou o que for, e aí eu fico com mais dificuldades, porque na maioria das vezes fomos bastante competitivos, fui o único carro a tentar vencê-los e tentei fazer algo diferente.”

“Mas eles sempre podem fazer a estratégia certa com um deles, porque sempre vão me marcar com um carro, então sempre foi um pouco difícil lutar contra eles.”

“Só espero que Checo seja o primeiro a empurrar toda a equipe para a frente, mas também me mantenha alerta, o que é sempre bom. Ter um companheiro de equipe te empurrando é emocionante.”

"Espero que possamos, com um carro um pouco mais competitivo desde o início, torná-lo um pouco mais interessante e difícil para eles tomarem decisões."

Albon está definido para assumir um papel de reserva na Red Bull para a temporada de 2021, concentrando-se em seu trabalho de teste e desenvolvimento para os novos regulamentos em 2022.

Verstappen estava feliz por Albon ainda fazer parte da equipe, mas disse que expressou seus pensamentos honestos à equipe sobre quem deveria ser seu companheiro antes de uma decisão ser tomada.

"É claro que conversamos sobre isso e eu apenas dou minha opinião honesta", disse Verstappen.

“Acho que ficou bem claro que durante todo o ano, às vezes era um pouco complicado para Alex. Ele é um grande cara, honestamente, e estou feliz por ele ainda fazer parte do time.”

"Mas no final do dia, é claro que Helmut [Marko] e Christian e, claro, Dietrich [Mateschitz] tomam as decisões.”

"Claro que eu sabia um pouco antes. Mas no final do dia, isso não importa."

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Pietro Fittipaldi DETALHA tensão na Haas durante batida de Grosjean e PROJETA futuro

PODCAST: Como ficará marcada a temporada de 2020 da F1?

 

compartilhar
comentários
F1: Horner nega que Vettel ou Hulkenberg foram considerados para vaga de Albon

Artigo anterior

F1: Horner nega que Vettel ou Hulkenberg foram considerados para vaga de Albon

Próximo artigo

Hamilton: chegada de Perez torna a Red Bull mais forte

Hamilton: chegada de Perez torna a Red Bull mais forte
Carregar comentários