Fórmula 1 GP do Japão

F1: Williams sinaliza permanência de Sargeant em 2024 e joga 'balde de água fria' em Drugovich

Acidentes nas corridas mais recentes colocaram pressão em cima do norte-americano que ainda não teve o contrato renovado

Logan Sargeant, Williams FW45

O chefe da Williams, James Vowles, deu um voto de confiança a Logan Sargeant, que está sob pressão, insistindo que a equipe quer que ele continue na Fórmula 1 no próximo ano.

O futuro de Sargeant na equipe está em dúvida devido a uma série de acidentes desde as férias de agosto. Ele sofreu um forte acidente na classificação e no GP da Holanda, bateu nas barreiras na corrida em Singapura, e, sem seguida, esteve envolvido em outro grande acidente durante o Q1 em Suzuka, no último fim de semana.

Leia também:

Essa série de incidentes ocorre em um momento em que a Williams quer que o norte-americano mostre uma melhora constante no restante da temporada para provar que ele pode se destacar ao lado de Alex Albon no próximo ano.

Embora o último acidente de Sargeant tenha levado a especulações iniciais de que Felipe Drugovich, Liam Lawson ou Mick Schumacher poderiam estar no páreo para substituir Sargeant, Vowles jogou água fria em qualquer conversa de que ele está definitivamente procurando outro lugar para a segunda vaga da equipe.

Em vez disso, falando em seu vídeo pós-corrida "Vowles Verdict" no site da Williams, ele declarou que a equipe queria que Sargeant fosse bem-sucedido - e que tinha de trabalhar com ele para que isso acontecesse.

"Logan tem metas muito claras que precisa atingir antes do final da temporada e estamos trabalhando com ele continuamente", disse Vowles. "Esse é o ponto importante: estamos trabalhando com ele. Queremos que ele tenha sucesso e que esteja no carro no próximo ano. Isso também depende muito de nós."

"Pegamos alguém diretamente da Fórmula 2 sem nenhum teste significativo, colocamos um dia e meio no Bahrein com esse carro e depois desejamos a ele o melhor em uma temporada que tem sido terrivelmente desafiadora para pilotos novatos, ponto final."

Marshals remove the damaged car of Logan Sargeant, Williams FW45, from the circuit after a crash in Q1

Os fiscais retiram o carro danificado de Logan Sargeant, Williams FW45, do circuito após um acidente na Q1

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

Embora o acidente de Sargeant na classificação de Suzuka tenha atraído a atenção na semana passada, Vowles disse que uma análise mais profunda dos dados no GP do Japão mostrou, na verdade, o progresso que a Williams queria ver.

"Havia alguns sinais muito positivos a serem extraídos disso", disse ele. "Em primeiro lugar, Logan não tinha a mesma especificação aerodinâmica que Alex tinha. Temos atualizações que estão no carro de Alex e que não estão no de Logan devido à quantidade de atritos que tivemos este ano. Muitas vezes, quando você vê uma diferença de desempenho, ela não é exatamente o que parece nas páginas de cronometragem."

"Além disso, se olharmos para o caso de Suzuka, ele fez uma preparação durante o fim de semana. Ao entrar no TL3, ele fez um tempo igual ao de Alex e, ao entrar na classificação até o acidente, ele estava a um décimo do desempenho de Alex também, em um dos circuitos mais complicados da temporada."

"Portanto, o progresso existe em certas formas, mas claramente está sendo prejudicado por uma série de outros problemas e acidentes que também apareceram."

Vowles deixou claro que, tendo trazido Sargeant, a Williams estava disposta a investir mais nele e estava longe de desistir.

"Continuaremos a trabalhar com Logan e a investir nele, pois queremos que ele tenha sucesso", disse ele. "Ele está em uma jornada conosco, como Williams. Temos um programa de jovens pilotos no qual continuaremos a investir. Somente no momento em que todos nós chegarmos à conclusão de que chegamos ao fim do caminho é que tomaremos alguma decisão. Mas ainda não estamos nem perto disso."

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast debate tensão interna na Mercedes e até quando Pérez 'sobrevive' na Red Bull

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte também do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 perde engajamento nas redes sociais em meio à dominância da Red Bull
Próximo artigo F1: Insaciável? Red Bull avança trabalhos para 2024 mas ainda prevê melhorias no RB19

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil