Ferrari na Fórmula E? CEO fala sobre negociações com a marca italiana

Montadora italiana vai inaugurar sua primeira fábrica dedicada à eletrificação

Ferrari logo

O CEO da Fórmula E, Jeff Dodds, deu a entender que a categoria realiza negociações com a Ferrari sobre a possibilidade de a marca italiana se juntar ao campeonato elétrico de alguma forma nos próximos anos.

As discussões surgiram no momento em que a Ferrari se prepara para abrir sua primeira linha de eletrificação no próximo mês, onde produzirá suas próprias baterias e sua frota de veículos elétricos.

Leia também:

O trabalho no novo "prédio eletrônico" está em andamento desde 2022 ao custo de 500 milhões de euros, com esse financiamento também sendo destinado a energias renováveis e infraestrutura, enquanto até 250 empregos serão criados como resultado.

Antes da nova estrutura, a SK On vinha fornecendo células de bateria para os carros de estrada da Ferrari desde 2019, para modelos híbridos, incluindo o SF90 Stradale e o 296 GTB.

Embora essa colaboração tenha sido renovada no início deste ano, a Ferrari deve assumir um papel mais ativo no desenvolvimento da tecnologia de baterias no futuro, com a marca tendo anunciado que produzirá seu primeiro veículo totalmente elétrico até o final de 2025.

O investimento significativo levou a um possível contato com a F-E e, quando perguntado pelo Motorsport.com se houve conversas com a Ferrari, Dodds respondeu: "Talvez".

Ele acrescentou: "Eles anunciaram uma fábrica de eletrificação na Itália e falaram sobre uma futura linha elétrica para eles. É a primeira vez que falam em uma linha elétrica pura, em vez de uma híbrida".

Embora Ferrari seja sinônimo de F1, ela voltou a competir na classe principal do Campeonato Mundial de Endurance (WEC) na última temporada, vencendo as 24 Horas de Le Mans pela primeira vez desde 1965.

Winner #51 Ferrari AF Corse Ferrari 499P of Alessandro Pier Guidi, James Calado, Antonio Giovinazzi

Vencedor #51 Ferrari AF Corse Ferrari 499P de Alessandro Pier Guidi, James Calado, Antonio Giovinazzi

Foto de: JEP / Motorsport Images

Na F-E, que em 2024 completa uma década de existência, vários fabricantes de alto nível já se comprometeram com a nova era Gen4, que começa em 2026-27. Entre eles estão a Nissan, a Porsche e a Jaguar, e Dodds está totalmente ciente do apelo que a Ferrari traria se ela se juntasse à equipe.

"Acho que [ter a Ferrari envolvida] elevaria o campeonato", disse ele. "Temos muita sorte porque a Porsche tem o mesmo tipo de história no automobilismo que corre em seu sangue e a Maserati também, embora eles obviamente tenham saído do automobilismo em um momento em que a Ferrari permaneceu".

"Acho que o que a Ferrari traz, além de mais credibilidade no automobilismo, é essa base de fãs leais, os tifosi, que é inacreditável. Portanto, em termos de atrair os fãs do legado do automobilismo para que venham ver nosso automobilismo, acho que a Ferrari faria um ótimo trabalho".

"Claramente, eu preferiria que eles participassem do que não participassem. Isso elevaria o campeonato, se seria exponencial ou mudaria o jogo, ainda não se sabe, mas é claro que eles estão em um ramo próprio".

Quando procurado para comentar se tinha algum interesse em participar da F-E, um porta-voz da Ferrari disse: "Nosso foco hoje é a F1 e o endurance - e [nós] anunciamos recentemente que levaremos a corrida para onde nunca levamos antes - a água [tendo anunciado um projeto de vela no início deste ano]."

Com relação à nova fábrica elétrica, o CEO da Ferrari, Benedetto Vigna, disse no mês passado: "Para mim, a construção elétrica representa três coisas.

"A primeira é a possibilidade de criar componentes estratégicos internamente, as baterias, os eixos e o carro inteiro. A segunda é a possibilidade de construir todos os carros, não apenas os elétricos, mas também os híbridos, com tecnologias mais sustentáveis. A eficiência das máquinas que usaremos na construção eletrônica será maior".

"Em terceiro lugar, isso mostra que acreditamos no futuro, na necessidade de novas tecnologias, e precisamos estar prontos para isso".

BRIATORE 'de volta' à Alpine, que pode ser COMPRADA POR CHINESES! Antonelli CHOCA, Yuki na Audi e +

Faça parte do Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube

Podcast Motorsport.com debate: Verstappen e RBR ameaçados em 2024?

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte do nosso canal no WhatsApp: clique aqui e se junte a nós no aplicativo!

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Fórmula E: Da Costa domina e vence com propriedade em Xangai
Próximo artigo Fórmula E divulga calendário de 2024/25 com São Paulo na abertura do campeonato em choque com final da F1; saiba mais

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil