MotoGP: Mir diz que Red Bull Ring não tem "segurança suficiente" em condições de chuva

Segundo treino livre para o GP da Estíria foi realizado com pista molhada, mas sexta foi marcada por quedas na curva três

MotoGP: Mir diz que Red Bull Ring não tem "segurança suficiente" em condições de chuva

O primeiro dia de atividades para o GP da Estíria da MotoGP foi afetada pela chuva que caiu antes do TL2. E para o atual campeão, Joan Mir, a segurança do Red Bull Ring, especialmente na curva três, "não é suficiente" em condições molhadas.

Por vários anos, os pilotos da MotoGP vêm expressando preocupações sobre a segurança da pista austríaca em condições de chuva, especialmente nas curvas um e três, onde restos de borracha dos carros da Fórmula 1 tendem a causar problemas de aderência para as motos.

Leia também:

As preocupações com as curvas um e três vêm principalmente da proximidade das barreiras ao lado da pista e a possibilidade de motos viajarem através do circuito no caminho de outros pilotos no topo do morro.

Essa preocupação ganhou os holofotes no ano passado durante o GP da Áustria, que aconteceu sem chuva. Na ocasião, uma batida forte entre Johann Zarco e Franco Morbidelli na curva dois fez com que as motos quase acertassem Valentino Rossi e Maverick Viñales quando eles passavam na curva três.

Uma cerca foi instalada na curva três para impedir uma repetição do caso, mas Mir ainda teme os perigos do local em condições de chuva, especialmente nas corridas, quando os pilotos andam juntos.

"É perigoso, especialmente a primeira curva. Aquela curva é escorregadia, perigosa. E a curva três também é muito perigosa".

Joan Mir, Team Suzuki MotoGP

Joan Mir, Team Suzuki MotoGP

Photo by: Gold and Goose / Motorsport Images

"Se você bater, sozinho, não acho que terá muitos problemas. Mas no meio de um grupo essa parte é muito perigosa no molhado. Não sei o que é preciso fazer, mas a verdade é que a segurança não é suficiente no molhado".

Pol Espargaró, companheiro de Marc Márquez na Honda, ecoou os comentários de Mir.

"Sim, essa pista não é das mais seguras, por causa desse tipo de curva, que é tão próxima como a três. Se alguém bater em alta velocidade na primeira parte da frenagem, a moto pode ter uma velocidade alta no chão, principalmente no molhado, e pode acabar outro que está fazendo a curva, mais ou menos como foi no ano passado com Johann e Franco".

"Então certamente me preocupa, estamos falando de segurança. E não é a melhor das condições o fato de que teremos muita chuva no domingo".

"Mas veremos o que acontece. No fim, acho que a aderência hoje estava bem alta, então não tivemos tantos problemas de frenagem, mas pode acontecer".

F1: RUSSELL na Mercedes? PÉREZ fica na RBR? E Bottas? O que esperar do MERCADO de PILOTOS para 2022!

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

Podcast – A primeira metade do campeonato da F1 foi a mais incrível dos últimos anos?

 

SIGA NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

compartilhar
comentários
Rivais há anos, Márquez diz que MotoGP "perde sua maior parte" com aposentadoria de Rossi: "Ele é uma lenda"

Artigo anterior

Rivais há anos, Márquez diz que MotoGP "perde sua maior parte" com aposentadoria de Rossi: "Ele é uma lenda"

Próximo artigo

MotoGP: Martín se beneficia de voltas canceladas e fica com a pole para o GP da Estíria

MotoGP: Martín se beneficia de voltas canceladas e fica com a pole para o GP da Estíria
Carregar comentários