MotoGP
25 mar
Próximo evento em
25 dias
R
GP da Argentina
08 abr
Postponed
R
GP das Américas
15 abr
Postponed
R
GP da Espanha
29 abr
Próximo evento em
60 dias
R
GP da França
13 mai
Próximo evento em
74 dias
R
GP da Itália
27 mai
Próximo evento em
88 dias
R
GP da Catalunha
03 jun
Próximo evento em
95 dias
R
GP da Alemanha
17 jun
Próximo evento em
109 dias
R
GP da Holanda
24 jun
Próximo evento em
116 dias
R
GP da Finlândia
08 jul
Próximo evento em
130 dias
R
GP da Áustria
12 ago
Próximo evento em
165 dias
R
GP da Grã-Bretanha
26 ago
Próximo evento em
179 dias
R
GP de Aragón
09 set
Próximo evento em
193 dias
R
GP de San Marino
16 set
Próximo evento em
200 dias
R
GP do Japão
30 set
Próximo evento em
214 dias
R
GP da Tailândia
07 out
Próximo evento em
221 dias
R
GP da Austrália
21 out
Próximo evento em
235 dias
28 out
Próximo evento em
242 dias
R
GP de Valência
11 nov
Próximo evento em
256 dias

MotoGP: Quartararo diz que será difícil de vencer corridas se Yamaha não estiver na frente

Piloto francês também afirmou que ainda não sabe o que pensar sobre etapa de Barcelona, mas que está ansioso para o desafio

compartilhar
comentários
MotoGP: Quartararo diz que será difícil de vencer corridas se Yamaha não estiver na frente

Apesar de ter sido considerado um dos favoritos ao título de 2020, Fabio Quartararo, da Petronas, não conseguiu repetir a performance dominante da rodada dupla de Jerez, perdendo a liderança do Mundial. E o piloto admitiu que é “difícil ganhar uma corrida” na MotoGP com a Yamaha se ele não estiver na ponta, devido à falta de potência da moto.

A Yamaha venceu quatro vezes nesta temporada: nas mãos de Quartararo na rodada dupla em Jerez, seu companheiro de equipe Franco Morbidelli no GP de San Marino e Maverick Viñales no GP da Emilia Romagna no último final de semana.

Leia também:

Apesar de sua taxa de acertos ultrapassar a de outros fabricantes em 2020, a Yamaha foi afetada por problemas no motor, que exigiram uma redução nas rotações para todos os quatro pilotos da M1 e levaram a uma dura rodada dupla na Áustria em agosto.

No segundo final de semana de Misano, a Yamaha mais rápida estava 11km/h atrás da Ducati mais rápida nos radares.

Como resultado, os pilotos da Yamaha não conseguem acompanhar as motos da frente na reta e tentar ultrapassar nos pontos de frenagem, nem podem utilizar a força da M1 nas curvas.

Quartararo ficou preso atrás da KTM de Pol Espargaró durante grande parte do GP de Emilia Romagna, mas não conseguiu ultrapassar até a volta 24 de 27 - altura em que a Suzuki de Joan Mir tinha se recuperado da 11a colocação para ultrapassar os dois.

“Estamos lutando muito para ultrapassar as pessoas, e se você não estiver fazendo como Maverick [fez e liderou desde o início], é difícil vencer uma corrida”, disse Quartararo. “Ganhei minhas duas corridas assim, como Franco, como Maverick”.

“Então, quando você está atrás de alguém que tem muito mais motor do que você, você realmente não pode fazer melhor. Então, feliz por Maverick porque ele merece”.

“Vamos ver em Barcelona, é uma pista que adoro, mas tem uma reta de 1km, então não sei o que pensar dela. Mas é uma pista que estou realmente ansioso para participar, porque acho que é uma pista onde podemos conseguir algo realmente bom”.

Viñales, que liderou as seis primeiras voltas da corrida de Misano no domingo passado e venceu depois que o líder de longa data Francesco Bagnaia caiu na volta 21, concordou com a visão de Quartararo por ter experimentado algo semelhante no aquecimento de domingo.

“Eu concordo, honestamente”, ele respondeu quando questionado sobre os comentários de Quartararo.

“Esta manhã saí atrás de alguns pilotos e mesmo sendo um pouco mais rápido não consegui ultrapassar e a única coisa que fazia era aquecer os freios e era difícil controlar também a pressão dos pneus”.

“Então, no momento é o nosso ponto fraco, mas precisamos descobrir como lutar quando formos ultrapassados".

“Fiquei um pouco chateado [no aquecimento] porque se [Jack] Miller estivesse na minha frente, o que posso fazer?”.

“Se estou indo um pouco mais rápido, não consigo ultrapassá-lo no resto da volta”.

“Então, meu único objetivo era ser o primeiro, e depois de ser o primeiro na primeira volta, digo‘ ok, agora preciso fazer o meu ritmo. Mas se você começar em primeiro, é outra corrida”.

Entenda como Lawrence Stroll passou de 'papai de piloto pagante' a homem-forte na Fórmula 1

PODCAST: Qual é o limite de Max Verstappen na Red Bull?

 

Márquez diz que esperava mais de Quartararo e Dovizioso: "É difícil de entender"

Artigo anterior

Márquez diz que esperava mais de Quartararo e Dovizioso: "É difícil de entender"

Próximo artigo

Confira os horários e como assistir a MotoGP em Barcelona

Confira os horários e como assistir a MotoGP em Barcelona
Carregar comentários

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Fabio Quartararo
Equipes Drive M7 SIC Racing Team
Autor Lewis Duncan