Fórmula 1 GP de Mônaco

ANÁLISE F1: Entenda como Mercedes 'evoluiu' o W14

Primeiro dia de atividades em Mônaco permitiu uma prévia do pacote, que será visto por completo a partir desta sexta-feira (26)

Mercedes W14 technical detail

Análise técnica de Giorgio Piola

Análise técnica de Giorgio Piola

A tão-aguardada evolução do W14 da Mercedes chegou neste fim de semana do GP de Mônaco, com a equipe da Fórmula 1 abandonando seu zeropod em favor de um design mais similar ao dos rivais.

Como esperado, o novo design se inspira nas outras soluções vistas pelo grid. Porém, há claramente uma delineação no perfil do projeto que se integra com outros princípios do W14. Esse processo ficou ainda mais difícil quando consideramos as implicações do teto orçamentário.

Leia também:

No passado, as equipes teriam considerado ir diretamente para um novo carro, manufaturando algo completamente novo. Porém, isso não é mais uma opção, então há sempre trocas consideráveis quando falamos de trocar um conceito, já que não é possível otimizar tudo nesse processo.

Detalhe técnico da Mercedes W14

Detalhe técnico da Mercedes W14

Photo by: Giorgio Piola

Nesse sentido, há um ponto importante do projeto do zeropod que foi mantido em meio a essa repaginada. A carenagem da longarina de impacto lateral (Side Impact Spar em inglês) foi mantido à frente da montagem principal do sidepod. Não era possível movê-la para dentro sem a homologação de um novo chassi, obrigando a equipe a manter esse modelo na revisão.

A aleta montada abaixo e na extremidade externa da longarina também foi mantida, mas modificada para casar melhor com as exigências do fluxo de ar. A carenagem está posicionada para ajudar a direcionar o fluxo para a entrada, que foi expandida e tornada mais rasa para criar um corte inferior mais tradicional abaixo.

Por isso, o corte inferior ganha um perfil de superfície mais plano, semelhante ao design de saída desta seção, embora seja casado com a porção superior do sidepod em formato de rampa de downwash.

Detalhe técnico da Mercedes W14

Detalhe técnico da Mercedes W14

Photo by: Giorgio Piola

A superfície superior do sidepod também mantém alguns aspectos em comum com o antecessor, com o painel de resfriamento de venezianas intercambiáveis ficando no local, permitindo que o calor seja ejetado com base nas características de cada circuito.

A rampa de downwash do sidepod também traz a "abordagem de escorregador" que vimos em outros, com o design da Mercedes mais próximo de Alpine e McLaren do que o da Aston Martin, devido à altura que foi permitida para a seção da rampa, mais próxima da traseira do carro.

Comparação da suspensão dianteira da Mercedes W14

Comparação da suspensão dianteira da Mercedes W14

Photo by: Uncredited

As atualizações introduzidas pela Mercedes vão muito além do sidepod, com as mudanças feitas na suspensão dianteira sendo as mais intrigantes, já que elas trarão impactos mecânicos e aerodinâmicos.

Essa é a principal razão pela qual a equipe está preparada para correr o desafio de introduzir o pacote em Monte Carlo, já que um elemento do pacote não entregará o esperado em termos de performance sem o outro.

A principal mudança está no braço principal do "osso da sorte" superior, com a parte interna encontrando sua casa na posição mais alta do canto dianteiro do chassi, em vez de alguns centímetros abaixo.

Isso obviamente terá impactos no comportamento da suspensão sob certos modos, com o mergulho sendo o mais proeminente. Isso ajudará não somente do ponto de vista mecânico como também no aerodinâmico.

A mudança na posição do braço também resultou na equipe prestando atenção particularmente à topologia da carenagem, com uma seção sendo modificada para acomodar melhor o comportamento do fluxo de ar (seta vermelha).

O que vimos do pacote de atualização já é relativamente extenso, mesmo com o carro ainda desmontado, mas há muito mais pela frente amanhã, com o assoalho também na agenda. Teremos que esperar o TL1 para vermos tudo.

ASTON MARTIN-HONDA CONFIRMADA na F1 2026: Detalhes, como RBR/Mercedes são IMPACTADAS e fator ALONSO

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #231: Diante das broncas de Verstappen e Hamilton, a F1 está perdendo DNA?

 

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior Barrichello e Galisteu revelam bastidores do encontro "surpresa" entre Senna e "cheirosa" Tina Turner
Próximo artigo F1: FIA modifica regras de bandeira amarela a partir de Mônaco; entenda

Principais comentários

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil