Últimas notícias

F1: Ferrari aposta em solução 'caseira' para substituir engenheiro que foi para McLaren

Após a saída de David Sanchez, equipe opta por Fabio Montecchi, engenheiro que atuava como gerente de projetos

The retired car of Charles Leclerc, Ferrari SF-23

A Ferrari precisa dar a volta por cima no campeonato da Fórmula 1 de 2023, depois de três corridas nas quais colheu mais frustração do que satisfação. Em Maranello, a ação está sendo feita em duas frentes: transformar o SF-23 em um carro competitivo e atrair novos rostos capazes de trazer um sopro de entusiasmo e, acima de tudo, novas ideias.

Leia também:

Duas tarefas difíceis de realizar, como a revisão solicitada à FIA sobre a penalidade de cinco segundos imposta a Carlos Sainz, após o toque dado a Fernando Alonso no reinício com bandeira vermelha. Para obter um resultado positivo, é necessário fornecer novos elementos significativos e pertinentes úteis para alterar um veredito que, de acordo com os regulamentos da FIA, seria final.

A Ferrari, para defender seu piloto, lançou-se no que pode parecer um beco sem saída, mas em Maranello eles estão convencidos de que encontraram um novo elemento que poderia reabrir o caso e embarcaram corajosamente nesta nova aventura em que eles também colocam em jogo o poder político do time.

Mas as principais expectativas são colocadas na evolução do carro. Frederic Vasseur, em declarações à imprensa na quarta-feira, saiu do seu caminho para dizer que não haverá uma versão B do carro, limitando-se a dizer que as mudanças previstas para Barcelona estavam à frente dos GPs anteriores, como se fosse uma evolução normal.

Na realidade, a Ferrari está fazendo de tudo para tentar salvar um campeonato: na pendência de reforços, o cargo de Head of Vehicle Concept deixado vago por David Sánchez, que assinou com a McLaren, será confiado a uma figura interna. Será Fabio Montecchi, engenheiro que foi nomeado Gerente de Projetos no ano passado. Técnico de chassi e suspensões com grande experiência, é um dos pilares da equipe.

Montecchi está trabalhando lado a lado com Diego Tondi, que é o chefe de aerodinâmica, para desenvolver uma série de novidades que veremos a partir do próximo encontro em Baku, o GP da Espanha, quando os fãs poderão ver um carro que será chamado para, pelo menos, escalar para o papel de segunda força, na esperança de voltar à caça da dominante Red Bull.

As mudanças na parte inferior, assim como no difusor, na suspensão traseira e nos sidepods implicam em uma profunda revisão do projeto inicial, corrigindo os erros do SF-23 e voltando de uma configuração, a da Austrália, que indicava uma possível caminho de desenvolvimento para trazer à tona o potencial do carro que até agora não havia sido visto.

Ouça Massa detalhando possível judicialização do título da F1 2008 por causa do 'Crashgate'

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #224 – Inconsistência da FIA estraga o grande momento da F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

 

Faça parte da comunidade Motorsport

Join the conversation
Artigo anterior F1 - Leclerc pede que fãs parem de ir na porta de sua casa em Mônaco: “Há um limite”
Próximo artigo Wolff: F1 precisa aperfeiçoar modelo de fim de semana de "maneira mais precisa"

Principais comentários

Cadastre-se gratuitamente

  • Tenha acesso rápido aos seus artigos favoritos

  • Gerencie alertas sobre as últimas notícias e pilotos favoritos

  • Faça sua voz ser ouvida com comentários em nossos artigos.

Motorsport prime

Descubra conteúdo premium
Assinar

Edição

Brasil Brasil