F1: Pérez espera que negociações com a Red Bull "não demorem muito"

Forma como o piloto mexicano se adaptou à escuderia austríaca já levou a sugestões de que permanecerá além de 2021

F1: Pérez espera que negociações com a Red Bull "não demorem muito"

Sergio Pérez espera que as negociações de um novo contrato com a Red Bull na Fórmula 1 “não demorem muito” e que sejam “muito tranquilas” após um forte começo de trabalho em equipe.

Pérez se juntou à escuderia austríaca em um acordo inicial de um ano para a temporada de 2021, após ser convocado para substituir Alexander Albon.

Leia também:

O piloto mexicano estava definido para correr pela Aston Martin este ano antes do time britânico acionar uma cláusula de rescisão em seu contrato para que pudesse assinar com Sebastian Vettel.

'Checo', que foi contratado pela Red Bull para ser companheiro de equipe de Max Verstappen, recompensou a escuderia vencendo o GP do Azerbaijão e se colocando no pódio na França - o que ajudou o time a conquistar uma vantagem de 37 pontos sobre a Mercedes no campeonato de construtores da F1.

A forma como Pérez se adaptou à Red Bull depois que Albon e Pierre Gasly, já levou a sugestões de que ele permanecerá além de 2021.

O mexicano disse que as negociações ocorrerão naturalmente e que espera que não demorem muito.

“No momento, estamos muito ocupados com as corridas, a rodada tripla, mas haverá algum tempo de inatividade onde podemos falar sobre isso”, disse.

“Esperançosamente [não] demore muito, porque eu não tenho uma boa experiência quando se demora tanto."

“Mas eu vejo isso como uma coisa natural. Uma vez que você se sente confortável em uma equipe, trabalhando com eles, é algo que naturalmente deve acontecer muito bem."

Pérez desempenhou um papel crucial ao ajudar Verstappen vencer o GP da França no domingo passado.

O piloto holandês revelou que ficaria feliz se Checo continuasse no time. 

“Tudo está indo muito bem”, disse Verstappen.

“Claro que conhecia o Checo antes, mas não como companheiro de equipe. É claro que sempre é um pouco diferente."

“Até agora tem sido ótimo poder trabalhar juntos, conseguir os melhores resultados para a equipe, é o que você quer. Com certeza, eu gostaria que isso continuasse. Ele é um ótimo companheiro de equipe e podemos nos divertir muito.”

Após sete corridas, Pérez está em terceiro lugar no campeonato de pilotos com 84 pontos. Em comparação, Albon marcou 105 pontos em toda a temporada em 2020.

Verstappen sentiu que o carro mais competitivo da escuderia foi um fator chave para ter apresentado uma maior ameaça para a Mercedes este ano, mas destacou a importância de ter dois pilotos lutando na frente.

“Antes também não tínhamos carro para lutar contra eles, então você podia fazer o que quisesse”, disse Verstappen.

“Agora, nós temos o carro para realmente lutar contra eles, então é claro que é super importante estar lá na frente com os dois carros, e é exatamente o que temos feito agora, em Baku e Paul Ricard."

“Vai ser crucial manter isso até o final do ano para os construtores", concluiu.

F1 2021: VERSTAPPEN ou HAMILTON? Quem VENCE na Áustria? Rico Penteado é ENFÁTICO sobre FAVORITO

Assine o canal do Motorsport.com no Youtube

Os melhores vídeos sobre esporte a motor estão no canal do Motorsport.com. Inscreva-se já, dê o like (joinha) nos vídeos e ative as notificações, para sempre ficar por dentro de tudo o que rola em duas ou quatro rodas.

PODCAST: Sequência de corridas até férias da F1 será chave para campeonato?

 

compartilhar
comentários
Fantasy ThePlayer Motorsport.com abre mercados para GP da Estíria e dá miniatura emblemática

Artigo anterior

Fantasy ThePlayer Motorsport.com abre mercados para GP da Estíria e dá miniatura emblemática

Próximo artigo

DIRETO DO PADDOCK: 'Fogo cruzado' de Red Bull e Mercedes e situação de Hamilton e Bottas

DIRETO DO PADDOCK: 'Fogo cruzado' de Red Bull e Mercedes e situação de Hamilton e Bottas
Carregar comentários