F1: Vandoorne pilotará pela Aston Martin no teste da Pirelli em Spa

Belga fará sua primeira experiência com o AMR23 na próxima semana na Bélgica

Stoffel Vandoorne, Resreve Driver, Aston Martin F1 Team

Stoffel Vandoorne, Resreve Driver, Aston Martin F1 Team

Sam Bloxham / Motorsport Images

Stoffel Vandoorne terá o primeiro contato com o Aston Martin AMR23 quando irá participar do teste de pneus da Pirelli para a Fórmula 1 na próxima semana em Spa-Francorchamps.

Leia também:

O piloto reserva da Aston, Vandoorne, dividirá as tarefas de pilotagem com o principal da equipe, Lance Stroll, enquanto Lando Norris e Oscar Piastri terão um dia cada pela McLaren. Será a primeira vez que o belga estará na pista em um carro de F1 atual desde que pilotou para a Mercedes no teste de Abu Dhabi em dezembro de 2020.

Embora o foco do teste de Spa seja nos pneus sem manta da Pirelli, ele dará a Vandoorne uma oportunidade valiosa de experimentar o carro de 2023, ajudando com a correlação de seu trabalho de simulador para a Aston Martin.

 

Isso também facilitará muito a vida do belga caso ele seja chamado se Stroll ou Fernando Alonso ficarem indispostos em algum momento durante o restante da temporada. O piloto de 31 anos compartilha a função de reserva da Aston com o atual campeão da F2, Felipe Drugovich, com a dupla se revezando para participar das corridas em 'modo de espera'.

Drugovich teve sua própria chance de experimentar o AMR23 quando o pilotou por dois dias no teste do Bahrein em fevereiro, enquanto Stroll estava recuperando de uma cirurgia no punho. Desde então, o brasileiro vem acumulando mais quilometragem em testes privados em um carro de 2021.

Além de suas funções na Aston, Vandoorne também é um dos pilotos disponíveis para a McLaren como reserva, e sua corrida em Spa também facilitaria sua entrada no MCL60, caso fosse necessário.

Stoffel Vandoorne, Reserve Driver, Aston Martin F1 Team

Stoffel Vandoorne, piloto reserva da equipe Aston Martin F1

Foto de: Mark Sutton / Motorsport Images

Além de lhe dar uma noção geral dos níveis de downforce de 2023, os dois carros compartilham a unidade de potência da Mercedes e, portanto, têm configurações semelhantes em seus respectivos volantes.

Vandoorne fez sua estreia na F1 com a McLaren no Bahrein em 2016, substituindo Alonso, seu atual companheiro de equipe na Aston.

Em seguida, completou duas temporadas completas em 2017 e 2018, a primeira com a Honda e a segunda com a Renault. Ele terminou em 16º lugar no campeonato mundial em ambas as temporadas, tendo um sétimo lugar como melhor resultado. 

Ele foi dispensado pela McLaren no final de 2018, mas posteriormente reconstruiu sua carreira na Fórmula E, vencendo o campeonato de 2021-22 pela Mercedes, para quem também atuou como reserva da F1. Atualmente, ele pilota para a equipe DS Penske de Fórmula E e também é reserva da equipe Peugeot WEC.

Quer fazer parte de um seleto grupo de amantes de corridas, associado ao maior grupo de comunicação de esporte a motor do mundo? CLIQUE AQUI e confira o Clube de Membros do Motorsport.com no YouTube. Nele, você terá acesso a materiais inéditos e exclusivos, lives especiais, além de preferência de leitura de comentários durante nossos programas. Não perca, assine já!

Podcast #239 – O que esperar de Ricciardo em retorno à F1?

 

ACOMPANHE NOSSO PODCAST GRATUITAMENTE:

 

 

 

Be part of Motorsport community

Join the conversation
Artigo anterior Ex-F1 crava situação de Pérez: "Dias na Red Bull estão contados"
Próximo artigo F1: Alonso 'manda a real' ao comentar sobre fase atual da Aston Martin; confira

Top Comments

Ainda não há comentários. Seja o primeiro a comentar.

Sign up for free

  • Get quick access to your favorite articles

  • Manage alerts on breaking news and favorite drivers

  • Make your voice heard with article commenting.

Motorsport prime

Discover premium content
Assinar

Edição

Brasil