FIA começa processo de licitação para motor alternativo

Segundo apurado pelo Motorsport.com, entidade máxima do automobilismo mundial começou processo de formalização de processo de escolha

FIA começa processo de licitação para motor alternativo
Jean Todt, FIA President
Bernie Ecclestone
Bernie Ecclestone
Nico Rosberg, Mercedes AMG F1 W06 leads team mate Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W06 at the start of the race
Sebastian Vettel, Ferrari SF15-T na largada

O presidente da FIA, Jean Todt e o comandante da F1, Bernie Ecclestone estão determinados em baratear os custos de unidades de potência para equipes independentes e acreditam que o ideal seria ter um fornecedor que ofereça motores padrão a esses times.

Embora se pensasse que essa concorrência começaria após um acordo com as equipes, a FIA deixou claro que quer colocar o plano em prática o mais rápido possível. A entidade já publicou documentos mostrando que está atrás dessas unidades para o período de 2017 a 2019.

Nos documentos pedindo às empresas para manifestar interesse no fornecimento desses motores, a entidade comunicou: "a FIA decidiu lançar uma consulta entre fabricantes de motores a fim de suprir os anos de 2017, 2018 e 2019 para a utilização de motores alternativos com distribuição exclusiva para o campeonato."

A data limite para a manifestação de interesse dos fabricantes é de 23 de novembro. Eles devem fornecer detalhes de suas capacidades técnicas e financeiras e se estas forem aceitas, em seguida, serão apresentadas para iniciar o processo oficial do concurso.

Os documentos não indicam a especificação técnica do motor, mas os detalhes estarão disponíveis para aqueles que responderem à FIA.

No GP do México, há duas semanas, Jean Todt disse que a única maneira de frear os esforços de se buscar um motor "alternativo" seriam os atuais fabricantes mandarem motores para as equipes clientes por menos US$ 12 milhões.

"Se não pudermos chegar a esta solução [dos US $ 12 milhões], precisaremos ter outra solução. Caso contrário, o risco é das equipes irem à falência."

compartilhar
comentários
Em treino morno, Hamilton começa na frente em Interlagos
Artigo anterior

Em treino morno, Hamilton começa na frente em Interlagos

Próximo artigo

Massa fala sobre perda de espaço da F1 na Rede Globo

Massa fala sobre perda de espaço da F1 na Rede Globo
Carregar comentários