Force India quer "limitar escolhas" de Perez com resultados

Ainda sem definir futuro na Fórmula 1, mexicano desperta interesse de equipes do meio do grid

Force India quer "limitar escolhas" de Perez com resultados
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09
Sergio Perez, Sahara Force India F1
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09
Sergio Perez, Sahara Force India F1 VJM09

Os pódios de Sergio Perez nesta temporada foram de grande valia para sua fama na Fórmula 1. Depois de dispensado pela McLaren no fim de 2013, o piloto está em alta novamente no mercado, sendo disputado pela maioria das equipes do meio do grid.

Por isso, o vice-diretor da Force India, Bob Fernley, acredita que se a equipe travar uma boa batalha contra a Williams pelo quarto lugar no campeonato de construtores, não haverá incentivos para que Perez vá para outro time.

"Acho que nós temos de fazer essa decisão ser tão difícil quanto pode ser", disse Fernley ao Motorsport.com sobre a situação Perez.

"Estamos muito interessados ​​em manter ambos os pilotos, por isso se pudermos passar a Williams pelo quarto lugar, existirão apenas três equipes com motores de fábrica à frente de nós. Aí, se sair, ele estará indo para trás.”

"Para nós, é trabalhar duro e limitar a escolha."

Decisão de patrocinador

Embora a Force India tenha Perez sob contrato, Fernley esclareceu que a incerteza sobre o seu futuro se relaciona com o destino dos acordos de patrocínio mexicanos.

"É um processo bastante simples, mas fica complicado", explicou.

"Os pilotos estão sob contrato para o próximo ano. Mas aqui estamos falando do lado comercial, porque temos acordos comerciais significativos com os apoiadores e patrocinadores de Checo (Perez).”

"Essas são decisões distintas e discussões separadas. Mas, em essência, a decisão de manter os dois pilotos está tomada.”

"Então, espero que possamos manter todas pessoas a bordo. Mas esta não era a prioridade. A prioridade é manter a dupla de pilotos."

compartilhar
comentários
Alonso se vê com sorte de terminar carreira com dois títulos

Artigo anterior

Alonso se vê com sorte de terminar carreira com dois títulos

Próximo artigo

Chefe da Sauber reclama de calendário com 21 corridas

Chefe da Sauber reclama de calendário com 21 corridas
Carregar comentários