Fórmula 1
25 jul
-
28 jul
Evento encerrado
01 ago
-
04 ago
Evento encerrado
29 ago
-
01 set
Evento encerrado
05 set
-
08 set
Evento encerrado
R
GP de Singapura
19 set
-
22 set
Treino Livre 1 em
3 dias
26 set
-
29 set
Próximo evento em
9 dias
10 out
-
13 out
Próximo evento em
23 dias
24 out
-
27 out
Próximo evento em
37 dias
31 out
-
03 nov
Próximo evento em
44 dias
14 nov
-
17 nov
R
GP de Abu Dhabi
28 nov
-
01 dez
Próximo evento em
72 dias

Leclerc: Batida no começo do treino foi "desnecessária" e "imperdoável"

compartilhar
comentários
Leclerc: Batida no começo do treino foi "desnecessária" e "imperdoável"
Por:
3 de ago de 2019 16:31

Piloto monegasco da Ferrari escapou na entrada da reta no Q1 e bateu de traseira, mas conseguiu dar sequência à sessão

Depois de marcar sua volta rápida na primeira parte do treino classificatório para o GP da Hungria de Fórmula 1, Charles Leclerc escapou de traseira na entrada da reta de Hungaroring e bateu de traseira com a Ferrari.

Apesar dos danos, o monegasco conseguiu dar prosseguimento à qualificação e largará em quarto neste domingo. Após a sessão, ele descreveu o incidente como "desnecessário" e "imperdoável" e admitiu que teve sorte por ter continuado.

Leia também:

Falando à imprensa depois da atividade deste sábado, Leclerc assumiu total responsabilidade pelo acidente, descrevendo-o como "um grande erro" e "estúpido" - especialmente pelo fato de ter acontecido após sua batida no GP da Alemanha, no qual teve que abandonar.

"O erro no Q1 foi desnecessário", disse ele. “São dois erros em dois GPs; o primeiro é perdoável, este definitivamente não. Eu preciso olhar para essas coisas para elas não acontecerem novamente. Eu tive muita sorte em terminar a sessão”.

O monegasco, porém, comemorou seu resultado no treino, no qual terminou à frente do companheiro alemão Sebastian Vettel, que larga em quinto. "Fiquei muito feliz com a volta no Q3”, disse Leclerc.

“Obviamente, tomei um pouco mais de cautela no último setor depois do erro, mas, no geral, foi uma boa volta, então não acho que [o acidente] tenha afetado o resultado final”, completou o piloto ferrarista.

Por diferença de cinco meses, Verstappen não bateu marca de Leclerc

Com a pole position deste sábado, Max Verstappen se tornou o quarto piloto mais jovem na história da F1 a largar na posição de honra. Ele bateu a marca de Rubens Barrichello e ficou atrás de apenas outros três pilotos, confira quem são:

Galeria
Lista

1. Sebastian Vettel, Toro Rosso, GP da Itália de 2008: 21 anos, 02 meses e 11 dias

1. Sebastian Vettel, Toro Rosso, GP da Itália de 2008: 21 anos, 02 meses e 11 dias
1/10

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

2. Charles Leclerc, Ferrari, GP do Bahrein de 2019: 21a 05m 15d

2. Charles Leclerc, Ferrari, GP do Bahrein de 2019: 21a 05m 15d
2/10

Foto de: Glenn Dunbar / LAT Images

3. Fernando Alonso, Renault, GP da Malásia de 2003: 21a 07m 23d

3. Fernando Alonso, Renault, GP da Malásia de 2003: 21a 07m 23d
3/10

Foto de: Renault F1

4. Max Verstappen, Red Bull, GP da Hungria de 2019: 21a 10m 05d

4. Max Verstappen, Red Bull, GP da Hungria de 2019: 21a 10m 05d
4/10

Foto de: Andrew Hone / LAT Images

5. Rubens Barrichello, Jordan, GP da Bélgica de 1994: 22a 03m 05d

5. Rubens Barrichello, Jordan, GP da Bélgica de 1994: 22a 03m 05d
5/10

Foto de: Sutton Motorsport Images

6. Lewis Hamilton, McLaren, GP do Canadá de 2007: 22a 05m 03d

6. Lewis Hamilton, McLaren, GP do Canadá de 2007: 22a 05m 03d
6/10

Foto de: XPB Images

7. Andrea de Cesaris, Alfa Romeo, GP dos Estados Unidos-Oeste de 1982: 22a 10m 04d

7. Andrea de Cesaris, Alfa Romeo, GP dos Estados Unidos-Oeste de 1982: 22a 10m 04d
7/10

Foto de: Sutton Motorsport Images

8. Nico Hulkenberg, Williams, GP do Brasil de 2010: 23a 02m 19d

8. Nico Hulkenberg, Williams, GP do Brasil de 2010: 23a 02m 19d
8/10

Foto de: Glenn Dunbar / LAT Images

9. Robert Kubica, BMW Sauber, GP do Bahrein de 2008: 23a 03m 30d

9. Robert Kubica, BMW Sauber, GP do Bahrein de 2008: 23a 03m 30d
9/10

Foto de: Glenn Dunbar / LAT Images

10. Jacky Ickx, Ferrari, GP da Alemanha de 1968: 23a 07m 03d

10. Jacky Ickx, Ferrari, GP da Alemanha de 1968: 23a 07m 03d
10/10

Foto de: Sutton Motorsport Images

Próximo artigo
Bottas e Hamilton prometem ataque a Verstappen no GP da Hungria

Artigo anterior

Bottas e Hamilton prometem ataque a Verstappen no GP da Hungria

Próximo artigo

Verstappen: "Alonso poderia ter vencido sete ou oito mundiais"

Verstappen: "Alonso poderia ter vencido sete ou oito mundiais"
Carregar comentários